Ancoragem e circulação crítica na reconstituição do espaço público em Terremoto santo

  • Eduardo Paschoal de Sousa Universidade de São Paulo
Palavras-chave: Crítica audiovisual, narrativa, ancoragem, complexo crítico

Resumo

Este artigo se propõe analisar as interpretações do curta-metragem Terremoto santo (Bárbara Wagner e Benjamin de Burca, 2017) ao longo de suas inúmeras esferas de recepção – como o circuito de festivais, a crítica institucionalizada, as redes sociais e as narrativas da própria produção, confrontada com determinadas formas de olhar para o filme. Refletimos, assim, sobre como a obra realiza uma ancoragem em sua circulação, a partir desse complexo crítico, ao recompor suas leituras possíveis, ampliando seu espaço público de circulação e remontando as narrativas que se formaram e que estão à disposição do espectador no momento de sua deliberação.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Eduardo Paschoal de Sousa, Universidade de São Paulo

Doutorando no Programa de Pós-Graduação em Meios e Processos Audiovisuais da Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo (ECA-USP), bolsista Fapesp, mestre em Meios e Processos Audiovisuais e graduado em Ciências da Comunicação (Jornalismo) pela mesma instituição. É integrante do grupo de pesquisa MidiAto (ECA-USP).

Referências

ANDERSON, J. Eu amei participar do Filme. [S. l.], 15 nov. 2017. In: WAGNER, B. O kitsch tende necessariamente…. [S. l.], 8 nov. 2017. Facebook: Bárbara Wagner @barbara.wagner.142. Disponível em: https://bit.ly/2PaqI8g. Acesso em: 15 maio 2018.
AUMONT, J.; MARIE, M. Dicionário teórico e crítico de cinema. Campinas: Papirus, 2003.
BARTHES, R. Rhétorique de l'image. Communications, 4, pp. 40-51, 1964.
BARTHES, R. O óbvio e o obtuso. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 1990.
BERGAMASCHI, B. Um dia da caça, outro do caçador. Janela de Cinema, Recife, 12 nov. 2017. Disponível em https: //bit.ly/2Zcv6bx. Acesso em: 15 maio 2018.
CALLOU, H. Espelhos do Poder. Cinética: cinema e crítica, [s. l.], 13 abr. 2018. Disponível em: https://bit.ly/2UCMFTD. Acesso em: 15 maio 2018.
CARMELO, B. Janela de Cinema 2017: competição brasileira de curtas começa em alto nível com animação sobre a ditadura e musical gospel. AdoroCinema, [s. l.], 6 nov. 2017. Disponível em: https://bit.ly/2XcEtGn. Acesso em: 15 maio 2018.
ESQUENAZI, J.P. Quand un produit culturel industriel est-il une “oeuvre politique”?. Réseaux, Paris, v. 3, n. 167, p. 189-208, 2011.
ISER, W. O ato da leitura. São Paulo: Editora 34, 1996. v. 1.
JOLY, M. Introduction à l'analyse de l'image. Paris: Nathan, 1994.
METZ, C. Le perçu et le nommé. In: DUFRENNE, M. (Org.). Vers une esthétique sans entrave. Paris: Union Générale D'Éditions, 1975.
METZ, C. Le signifiant imaginaire. Paris: Union Générale D'Éditions, 1977.
MOLES, A. O kitsch: a arte da felicidade. São Paulo: Perspectiva, 1986.
NOGUEIRA, T. Corpo a corpo: a disputa das imagens, da fotografia à transmissão ao vivo. Rio de Janeiro: Ed. IMS, 2017.
ODIN, R. Cinéma et production de sens. Paris: Armand Colin, 1997.
ODIN, R. De la fiction. Paris: De Boeck Université, 2000.
ODIN, R. Les espaces de communication: introduction à la sémio-pragmatique. Grenoble: Presses Universitaires de Grenoble, 2011.
SOARES, R. L.; SILVA, G. Lugares da crítica na cultura midiática. Comunicação, Mídia e Consumo, São Paulo, v. 13, n. 37, p. 9-28, 2016.
SOULEZ, G. Quand le film nous parle: rhétorique, cinéma et télévision. Paris: Presses Universitaires de France, 2011.
SOULEZ, G. La délibération des images. Vers une nouvelle pragmatique du cinéma et de l’audiovisuel. Communication & langages, Paris, p. 3-32, 2013a.
SOULEZ, G. Les agrégats délibératifs: et s'il n'y avait pas de 'communauté' d'interprétation?. Théorème, Paris, v. 17, p. 119-129, 2013b.
TERREMOTO Santo. Direção: Bárbara Wagner e Benjamin de Burca. 2017. 1 vídeo (20 min), color. Cópia digital.
WAGNER, B. O kitsch tende necessariamente…. [S. l.], 8 nov 2017. Facebook: Bárbara Wagner @barbara.wagner.142. Disponível em: https://bit.ly/2PaqI8g. Acesso em: 15 maio 2018.
Publicado
2019-06-13
Como Citar
SOUSA, E. Ancoragem e circulação crítica na reconstituição do espaço público em Terremoto santo. Rumores, v. 13, n. 25, p. 82-103, 13 jun. 2019.
Seção
Dossiê