Os miseráveis de Victor Hugo: a invisibilidade através do nome

  • Glória Gomide Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (PUC-MG).
Palavras-chave: Literatura, cinema, adaptação, anonimato.

Resumo

Os miseráveis de Victor Hugo, de 1862, é uma das obras mais adaptadas para outros suportes. Neste trabalho se quer demonstrar que a invisibilidade das personagens é paradoxalmente revelada pela mudança de seus nomes, os quais se transformam dependendo das oportunidades de se amalgamar na multidão. As alcunhas adotadas são apropriadas às situações dramáticas desenvolvidas na obra e nas adaptações, desde a arte sequencial a adaptações operísticas e cinematográficas. E se Os miseráveis é uma obra do século XIX, vê-se que, ainda hoje, é ecoada em personagens reais, que têm ceifadas suas vidas por causa de crimes primários e, ao contrário do anonimato, se escondem através de novas identidades na multidão contemporânea.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Glória Gomide, Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (PUC-MG).
Professora Doutora na Faculdade de Comunicação e Artes da Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (PUC-MG). gloriagomide@gmail.com.
Publicado
2014-08-09
Como Citar
GOMIDE, G. Os miseráveis de Victor Hugo: a invisibilidade através do nome. RuMoRes, v. 8, n. 15, p. 56-68, 9 ago. 2014.
Seção
Dossiê