Veja e suas metáforas: quando o político/partidário deriva para o sindical

  • Patrícia Schuster Universidade Federal de Santa Maria (UFSM)
Palavras-chave: Metáfora, discurso jornalístico, sindicalismo, revista Veja.

Resumo

Este artigo propõe refletir sobre como as metáforas presentes no discurso da revista Veja são capazes de produzir derivas de sentido. Aqui, nosso foco recai sobre as opções discursivas desta publicação em uma reportagem veiculada no dia 04 de junho de 2008, que trata de um escândalo político envolvendo o deputado, e também sindicalista, Paulo Pereira da Silva. De posse do cabedal teórico da análise de discurso, de matriz francesa, verificamos que, escudada no recurso linguístico “metáfora”, a publicação recupera e, ao mesmo tempo, aviva uma memória discursiva que termina por remodelar o acontecimento em questão. Na arena jornalística, são os sentidos que travam um verdadeiro embate entre os hemisférios político e sindical.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Patrícia Schuster, Universidade Federal de Santa Maria (UFSM)
Doutoranda do Programa de Pós-Graduação em Comunicação Midiática pela Universidade Federal de Santa Maria (RS). Bolsista Fapergs. Jornalista pela Universidade de Santa Cruz do Sul (RS). pati.jornalista@gmail.com.
Publicado
2014-08-09
Como Citar
SCHUSTER, P. Veja e suas metáforas: quando o político/partidário deriva para o sindical. RuMoRes, v. 8, n. 15, p. 224-241, 9 ago. 2014.
Seção
Artigos