Tratamento fisioterapêutico do ombro doloroso de pacientes hemiplégicos por acidente vascular encefálico-Revisão da Literatura

  • Tatiana Klotz Universidade Federal de São Paulo
  • Heloise Cazangi Borges Universidade Federal de São Paulo
  • Vanessa Costa Monteiro Universidade Federal de São Paulo
  • Therezinha Rosane Chamlian Universidade Federal de São Paulo
  • Danilo Masiero Universidade Federal de São Paulo
Palavras-chave: acidente cerebrovascular, ombro doloroso hemiplégico, fisioterapia

Resumo

O objetivo deste estudo foi revisar na literatura estudos sobre os efeitos dos métodos fisioterapêuticos utilizados para tratar ombro doloroso no paciente hemiplégico após Acidente Vascular Encefálico (AVE). Para a realização dessa revisão bibliográfica, foram utilizados artigos publicados no período de 1997 a 2004 e indexados nas seguintes bases de dados: Medline, Lilacs, Pubmed e Cochrane. Os artigos selecionados incluíam pacientes de qualquer idade com diagnóstico de AVE em fase aguda ou crônica sem histórico de outra patologia precedente ou AVE prévio com déficits persistentes e quadro clínico de ombro doloroso após episódio de injúria cerebral. Dos 66 artigos selecionados, 12 encontravam-se nos critérios de inclusão. Com base na literatura consultada, foi possível sugerir que a estimulação elétrica constitui-se no recurso fisioterapêutico mais estudado e mais promissor no tratamento do ombro doloroso, porém ainda necessitando de pesquisas com melhor qualidade metodológica.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Tatiana Klotz, Universidade Federal de São Paulo
Fisioterapeuta Especializada em Fisioterapia Motora Hospitalar e Ambulatorial aplicada à Neurologia da Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)-Escola Paulista de Medicina (EPM).
Heloise Cazangi Borges, Universidade Federal de São Paulo
Fisioterapeuta do Lar Escola São Francisco (LESF), Coordenadora e Preceptora do Curso de Fisioterapia Motora Hospitalar e Ambulatorial aplicada à Neurologia da Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)-Escola Paulista de Medicina (EPM).
Vanessa Costa Monteiro, Universidade Federal de São Paulo
Fisioterapeuta do Lar Escola São Francisco (LESF) e Preceptora do Curso de Fisioterapia Motora Hospitalar e Ambulatorial aplicada à Neurologia da Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)-Escola Paulista de Medicina (EPM).
Therezinha Rosane Chamlian, Universidade Federal de São Paulo
Chefe de Clínica da Disciplina de Fisiatria do Departamento de Ortopedia e Traumatologia da Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)- Escola Paulista de Medicina (EPM) e Diretora Técnica do Lar Escola São Francisco (LESF)
Danilo Masiero, Universidade Federal de São Paulo
Professor Associado e Chefe da Disciplina de Fisiatria do Departamento de Ortopedia e Traumatologia da Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)-Escola Paulista de Medicina (EPM).
Publicado
2006-04-09
Como Citar
Klotz, T., Borges, H., Monteiro, V., Chamlian, T., & Masiero, D. (2006). Tratamento fisioterapêutico do ombro doloroso de pacientes hemiplégicos por acidente vascular encefálico-Revisão da Literatura. Acta Fisiátrica, 13(1), 12-16. Recuperado de http://www.revistas.usp.br/actafisiatrica/article/view/102563
Seção
Artigo de Revisão