Avaliação da força muscular respiratória e capacidade funcional em pacientes com fibrose cística

  • Cássio Magalhães da Silva e Silva Universidade Federal da Bahia
  • Adriele Mascarenhas Araujo Secretaria de Saúde do Estado da Bahia
  • Anna Lúcia Lima Diniz da Silva Secretaria de Saúde do Estado da Bahia
  • Valdívia Alves de Sousa Secretaria de Saúde do Estado da Bahia
  • Mansueto Gomes Neto Universidade Federal da Bahia
  • Micheli Bernadone Saquetto Universidade Federal da Bahia
Palavras-chave: Fibrose Cística, Músculos Respiratórios, Tolerância ao Exercício

Resumo

Objetivo: Correlacionar a força muscular respiratória e a capacidade funcional em pacientes com FC. Métodos: Estudo transversal em adultos com fibrose cística. Os dados amostrais foram catalogados no Microsoft Office Excel 2007 e as variáveis analisadas pelo SPSS versão 20.0 através do teste t de Student e do coeficiente de Spearman. O nível de significância adotado foi p < 0,05. Resultados: Foram avaliados 35 pacientes com fibrose cística (44,6 ± 19,0 anos), grande parte dos pacientes de FC (n=26) não apresentaram fraqueza da musculatura inspiratória (PImáx -90,7 ± 27,4 cmH2O). Não foi encontrada estatística significativa apenas entre os pacientes adultos e idosos. Houve correlação positiva entre PImáx, PEmáx e teste de caminhada de 6 minutos (TC6) nos participantes com fraqueza muscular respiratória e nos idosos. Houve diferença estatisticamente significativa entre as médias da distância percorrida no TC6 e das pressões respiratórias máximas com a média do que foi previsto para estas variáveis. Conclusão: Todos os grupos apresentaram limitação da força respiratória e da capacidade funcional. As correlações entre as pressões respiratórias com o TC6 foram baixas e pequenas nos adultos e indivíduos sem fraqueza muscular respiratória; moderadas à alta nos idosos; pequenas à moderada nas mulheres; pequenas e negativas nos homens; e, altas naqueles com fraqueza muscular respiratória

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Cássio Magalhães da Silva e Silva, Universidade Federal da Bahia
Fisioterapeuta, Professor Assistente da Universidade Federal da Bahia – UFBA
Adriele Mascarenhas Araujo, Secretaria de Saúde do Estado da Bahia
Fisioterapeuta, Residência em Fisioterapia em UTI e Emergência – SESAB
Anna Lúcia Lima Diniz da Silva, Secretaria de Saúde do Estado da Bahia
Fisioterapeuta, Hospital Especializado Octávio Mangabeira – SESAB
Valdívia Alves de Sousa, Secretaria de Saúde do Estado da Bahia
Fisioterapeuta, Hospital Especializado Octávio Mangabeira – SESAB
Mansueto Gomes Neto, Universidade Federal da Bahia
Fisioterapeuta, Professor Adjunto da Universidade Federal da Bahia – UFBA
Micheli Bernadone Saquetto, Universidade Federal da Bahia
Fisioterapeuta, Professor Assistente da Universidade Federal da Bahia – UFBA
Publicado
2016-12-29
Como Citar
1.
Silva CM, Araujo A, Silva AL, Sousa V, Gomes Neto M, Saquetto M. Avaliação da força muscular respiratória e capacidade funcional em pacientes com fibrose cística. actafisiatrica [Internet]. 29dez.2016 [citado 15jul.2019];23(4):186-90. Available from: http://www.revistas.usp.br/actafisiatrica/article/view/137670
Seção
Artigo Original