Determinação volumêtrica do boro em fertilizantes. Estudos sobre a quantidade de manitol

  • J. C. Alcarde Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz; Departamnto de Química
  • R. A. Catani Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz; Departamnto de Química
  • O. S. Souza Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz; Departamnto de Química

Resumo

O presente trabalho teve como objetivo principal estudar a massa de manitol necessária para a titulação do ácido bórico com solução padronizada de NaOH, a fim de aplicar os resultados obtidos na determinação volumétrica do boro, solúvel em ácido, em fertilizantes. Foram confeccionadas curvas de neutralização do H3BO3 pelo NaOH, em soluções diluidas, na presença de quantidades variáveis de manitol e a referida titulação foi desenvolvida em função do pH do ponto final e da quantidade de manitol. Os resultados obtidos permitiram verificar que a quantidade de manitol necessária na presente titulação é grandemente afetada pelo pH do ponto final e que há a possibilidade de se reduzir de 20,0 g para 5,0 g a quantidade de manitol usada na determinação do boro, solúvel em ácido, em fertilizantes, desde que se use o pH 8,0 para o ponto final da titulação e se proceda a eliminação do íon NH+4

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
1972-01-01
Como Citar
Alcarde, J., Catani, R., & Souza, O. (1972). Determinação volumêtrica do boro em fertilizantes. Estudos sobre a quantidade de manitol . Anais Da Escola Superior De Agricultura Luiz De Queiroz, 29, 273-284. https://doi.org/10.1590/S0071-12761972000100020
Seção
naodefinida