Efeitos do ccc no desenvolvimento do algodoeiro (Gossypium hirsutum L. cv. 'IAC-RM3')

  • Paulo R. C. Castro USP; E.S.A. Luiz de Queiroz; Departamento de Botânica
  • Valdir A. Iuki USP; E.S.A. Luiz de Queiroz; Departamento de Botânica
  • Maurício Sousa USP; E.S.A. Luiz de Queiroz; Departamento de Botânica
  • Nelson Ventorim USP; E.S.A. Luiz de Queiroz; Departamento de Botânica
  • Hugo Kuniyuki USP; E.S.A. Luiz de Queiroz; Departamento de Botânica
  • Francisco A. Rolim USP; E.S.A. Luiz de Queiroz; Departamento de Botânica

Resumo

Verificou-se o efeito do cloreto de (2-cloroetil) trimetilamônio, quando aplicado em pulverização das plântulas, no desenvolvimento do algodoeiro cultivar 'IAC-RM3' , em condições de casa-de-vegetação. Estudaram-se as concentrações de 0, 20, 200 e 2000 ppm do retardador de crescimento; sendo que os tratamentos diminuíram a altura e o incremento percentual da mesma, com relação ao controle. Pela análise de crescimento verificou-se que a TAL, a TCR e a RAF apresentaram valores decrescentes com relação ao aumento da concentração do regulador de crescimento aplicado.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
1975-01-01
Como Citar
Castro, P., Iuki, V., Sousa, M., Ventorim, N., Kuniyuki, H., & Rolim, F. (1975). Efeitos do ccc no desenvolvimento do algodoeiro (Gossypium hirsutum L. cv. ’IAC-RM3’) . Anais Da Escola Superior De Agricultura Luiz De Queiroz, 32, 69-74. https://doi.org/10.1590/S0071-12761975000100006
Seção
naodefinida