Propagação da pereira através de estacas folhosas em ambiente de nebulização

  • V.R. Sampaio USP; E.S.A. Luiz de Queiroz; Departamento de Agricultura e Horticultura
  • D. Barbin USP; E.S.A. Luiz de Queiroz; Departamento de Matemática e Estatística

Resumo

Foram realizadas duas observações, fazendo-se enraizamento, de estacas folhosas de pereiras sob condições de nebulização intermitente. Na primeira foram tomadas estacas apicais e subapicais das variedades Seleta, Triunfo, Tenra e Le Conte. Na segunda fêz-se a aplicação da auxina Rootone em estacas apicais e sub-apicais da variedade Seleta. Verificou-se que: 1) As médias de enraizamento foram de 30, 60, 61 e 68% para as variedades Tenra, Seleta, Triunfo e Le Conte; 2) As estacas apicais resultaram em 61% de enraizamento (26, 70, 72 e 78% para as variedades Tenra, Triunfo, Seleta e Le Conte), contra 48% para as estacas sub-apicais (34, 50, 50 e 68% para as variedades Tenra, Seleta, Triunfo e Le Conte); 3) Observação realizada somente com a variedade Seleta, comprovou a maior eficiência no enraizamento para estacas apicais (75%) em relação as sub-apicais (40%); 4) A auxina não alterou as porcentagens de enraizamento das estacas folhosas de pera'Seleta'.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
1983-01-01
Como Citar
Sampaio, V., & Barbin, D. (1983). Propagação da pereira através de estacas folhosas em ambiente de nebulização . Anais Da Escola Superior De Agricultura Luiz De Queiroz, 40(1), 509-517. https://doi.org/10.1590/S0071-12761983000100027
Seção
nao definida