Eficiência relativa de diferentes frações granulometricas de calcários na neutralização da acidez dos solos, avaliada em laboratório

  • P.A. Bellingieri UNESP; FCAV; Dep. de Tecnol.
  • J.C. Alcarde Universidade de São Paulo; E.S.A.Luiz de Queiroz; Departamento de Química
  • E.C.A. de Souza UNESP; FCAV; Dep de Solos e Adubos
Palavras-chave: peneiras, calcário metamórfico, natureza geológica

Resumo

As frações granulométricas retidas nas peneiras n°s (ABNT) 5-10, 10-30, 30-50, e 50-60 de quatro calcários, sendo dois sedimentares e dois metamórficos, foram incubadas durante 160 dias com três tipos de solos, em condições de laboratório. A eficiência das frações na neutralização da acidez dos solos foi avaliada pela variação do pH. Os resultados permitiram concluir que a referida eficiência independe da natureza geológica do calcário mas depende do tipo de solo, sendo decrescente na seguinte ordem: LVd, LEd e LEm. Apesar da legislação atual normatizar as características físicas dos calcários, bem como os seus graus de eficiência, a presente pesquisa sugere novos valores para a eficiência relativa das diferentes frações granulometricas de calcários: fração maior do que 10:0%, de 30:35%; de 30-50:75% e menor que 50:100%.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
1989-01-01
Como Citar
Bellingieri, P., Alcarde, J., & Souza, E. (1989). Eficiência relativa de diferentes frações granulometricas de calcários na neutralização da acidez dos solos, avaliada em laboratório . Anais Da Escola Superior De Agricultura Luiz De Queiroz, 46(2), 303-317. https://doi.org/10.1590/S0071-12761989000200003
Seção
Artigos