Desempenho de bovinos confinados com ração ã base de bagaço de cana-de-açúcar auto-hidrolisado, levedura e vinhaça, sub-produtos da indústria de açúcar e álcool

  • M.C.F. Lacôrte Universidade de São Paulo; E.S.A.Luiz de Queiroz; Departamento de Zootecnia
  • M.L.V. Bose Universidade de São Paulo; E.S.A.Luiz de Queiroz; Departamento de Zootecnia
  • T.C.T. Ripoli Universidade de Sao Paulo; E.S.A.Luiz de Queiroz; Departamento de Mecânica
Palavras-chave: bovinos confinados, bagaço de cana hidrolisado, levedura, vinhaça, sub-produtos' da indústria de açúcar e álcool

Resumo

O uso de levedura seca e concentrada de vinhaça, associados ao bagaço de cana-de-açúcar auto-hi drolisado (BAH) em rações de confinamento, foi testado em comparação com rações também à base de BAH, contendo farelo de algodão como fonte de proteína. Durante 122 dias foi conduzido ura experimento de ganho de peso com novilhos confinados (peso vivo inicial = 316kg). As rações, formuladas para proporcionarem ganho de peso lkg por dia, continham 50% de BAH, 12,7% da fonte de proteína (farelo de algodão ou concentrado de vinhaça ou levedura), 17,8% de milho e 12,5% de cana picada como volumoso complementar, na materia seca (M.S.). 0 ganho de peso médio foi de 843, 989 e 580g/cabeça/dia para as rações contendo farelo de algodão, levedura e concentrado de vinhaça, respectivamente. As rações contendo levedura e farelo de algodão proporcionaram ganhos de peso significativamente superiores (R <_ 0,01) quando comparadas à ração contendo concentrado de vinhaça, não ocorrendo diferenças significativas entre as duas primeiras, nem mesmo ao nível de 5% pelo teste de Tukey. Conclui-se que a levedura seca pode substituir totalmente o farelo de algodão em rações completas para confinamento contendo bagaço de cana auto-hidrolisado, devendo-se, entretanto, considerar os aspectos econômicos dessa substituição.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
1989-01-01
Como Citar
Lacôrte, M., Bose, M., & Ripoli, T. (1989). Desempenho de bovinos confinados com ração ã base de bagaço de cana-de-açúcar auto-hidrolisado, levedura e vinhaça, sub-produtos da indústria de açúcar e álcool . Anais Da Escola Superior De Agricultura Luiz De Queiroz, 46(2), 433-452. https://doi.org/10.1590/S0071-12761989000200010
Seção
Artigos