Discursos circulantes Os discursos circulantes no jornal Folha de S. Paulo em torno da expressão “discurso de ódio” entre 2014 e 2018

  • Bárbara Maria Santos De Lima Universidade Anhembi Morumbi
Palavras-chave: Discurso de ódio; Discurso circulante; Jornalismo; Contemporaneidade.

Resumo

O discurso de ódio é uma forma de discurso circulante. Neste artigo foi analisado como o discurso de ódio é reportado de uma perspectiva jornalística. O veículo escolhido para servir como base de análise foi a Folha de S. Paulo no período de 01/01/2014 a 31/12/2018. Neste tempo, pudemos ver a evolução da mídia em relação ao comportamento da mesma quando o assunto é disseminar ódio.  Além dos relatos da mídia, também é possível entender como os leitores da Folha de sentem em relação à nova onda circulante que vem tomando o Brasil e o mundo. Nesta análise, buscamos mapear o conteúdo das matérias e os sentidos da expressão “discurso de ódio” que emergem nas matérias analisadas, bem como compreender aspectos da construção das matérias que abordam a temática do discurso de ódio, isto é, como a Folha posiciona-se editorialmente nesse debate. Ao final deste tópico, apresentamos separadamente elementos das cartas dos leitores da Folha selecionadas como parte do corpus de pesquisa.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2019-10-11
Como Citar
De Lima, B. M. (2019). Discursos circulantes Os discursos circulantes no jornal Folha de S. Paulo em torno da expressão “discurso de ódio” entre 2014 e 2018. Anagrama, 13(2). Recuperado de http://www.revistas.usp.br/anagrama/article/view/157417