Duchamp's Erotic Stereoscopic Exercises

  • Gavin Adams University of São Paulo; Escola de Artes, Comunicação e Humanidades

Resumo

Este artigo busca explorar certos elos entre a medicina e a arte por meio da estereoscopia. Destaca-se uma obra do artista Marcel Duchamp (o ready-made Stéréoscopie a la Main) e cartões estereoscópicos usados na oftalmologia. As duas instâncias envolvem o desenho de marcas gráficas sobre cartões estereoscópicos pré-existentes. A similaridade entre Stéréoscopie a la Main e os ditos cartões ecoa também na forma dos exercícios estereoscópicos. O cartão estereoscópico foi amplamente difundido na segunda metade do séc. XIX, frequentemente na forma da "viagem sem sair de casa." Foi sobre esse tipo de material que tanto médicos quanto Marcel Duchamp desenharam suas marcas. Explora-se a obra Stéréoscopie a la Main como um sítio hipotético para uma espécie de exercício, propondo que tal ready-made retificado seja um lugar para exercícios estereoscópicos eróticos.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2015-12-01
Como Citar
Adams, G. (2015). Duchamp’s Erotic Stereoscopic Exercises . Anais Do Museu Paulista: História E Cultura Material, 23(2), 165-185. https://doi.org/10.1590/1982-02672015v23n0206
Seção
Estudos de Cultura Material