Do “campônio paulista” aos “homens da Independência”

interpretações em disputa pelo passado nacional no Salão de Honra do Museu Paulista

Palavras-chave: Arte brasileira, Independência do Brasil, Museu Paulista

Resumo

O presente artigo analisa a transformação narrativa operada no Salão de Honra do Museu Paulista, entre 1895, ano de sua inauguração, até a comemoração do centenário da Independência do Brasil em 1922. São observadas as articulações intelectuais e políticas de composição narrativa histórica a partir de encomendas de pinturas especialmente dedicadas àquele espaço celebrativo da fundação da nação, visando compreender que motivos teriam orientado o processo de ascensão de um marco do Império durante a Primeira República. Dessa forma, são abordados projetos que tiveram descontinuidade e inflexões tanto da elite política quanto de intelectuais e pintores.

 

 

 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Carlos Lima Junior, Universidade de São Paulo / São Paulo, SP, Brasil

Doutorando em Estética e História da Arte pelo MAC USP. Bolsista FAPESP.

Pedro Nery, Universidade de São Paulo/Pinacoteca de São Paulo

Mestre em Museologia pelo Programa de Pósgraduação Interunidades em Museologia da USP.

Referências

FONTES ICONOGRÁFICAS

ALMEIDA JUNIOR, José Ferraz de. Amolação interrompida. 1894, óleo sobre tela, 200 x 140 cm. Acervo da Pinacoteca do Estado de São Paulo. Transferida do Museu Paulista, 1905

ALMEIDA JUNIOR, José Ferraz de. Caipira picando fumo. 1894, óleo sobre tela, 200 x 140 cm. Acervo da Pinacoteca do Estado de São Paulo. Transferida do Museu Paulista, 1905.

ALMEIDA JUNIOR, José Ferraz de. Partida da Monção. 1897, óleo sobre tela, 390 x 640 cm. Acervo do Museu Paulista.

EARLE, Augustus. Dona Maria de Jesus. In: GRAHAM, Mary. Journal of a Voyage to Brazil and residence there, during part of the years 1821, 1822, 1823. Londres: Longman, Hurst, Rees, Orme, Brown, and Green, Paternoster Row; J. Murray, Albermarle-street, 1824.

FAILUTTI, Domenico. D. Leopoldina e seus filhos. 1921, óleo sobre tela, 155 x 253,5 cm. Acervo do Museu Paulista.

FAILUTTI, Domenico. Maria Quitéria de Jesus. 1920, óleo sobre tela, 155 x 253,5 cm. Acervo do Museu Paulista.

GAMEIRO, Alfredo Roque. As côrtes constituintes de 1820. In: FRANCO, Chagas; SOARES, João (coords.). Prosa original de Chagas Franco. Ilustrações de Roque Gameiro e Alberto de Sousa. Quadros da história de Portugal. Lisboa: Papelaria Guedes, 1917.

MANUEL, Frédéric. Interior do Museu do Ipiranga. São Paulo, 1906., foto gelatina, p&b ; 28,8 x 22,4 cm. Acervo da Biblioteca Nacional (Brasil). Disponível em: <https://bit.ly/2olXF8E>. Acesso em: 24 set. 2019.

MELO, Pedro Américo de Figueiredo e. Independência ou Morte!, 1888, óleo sobre tela, 415 x 760 cm. Acervo do Museu Paulista.

MELO, Pedro Américo de Figueiredo e. Independência ou Morte! [estudo], [s. d.], óleo sobre tela, 59 x 51 cm. Coleção Fadel – RJ.

SILVA, Oscar Pereira da. O Principe D. Pedro e Jorge Avilez a bordo da Fragata União. 1922, óleo sobre tela, 310 x 250 cm. Acervo do Museu Paulista.

SILVA, Oscar Pereira da. Sessão das Cortes de Lisboa. 1922, óleo sobre tela, 310 x 250 cm. Acervo do Museu Paulista.

FONTES IMPRESSAS

RELATÓRIO apresentado ao digno secretário do Interior Dr. Cesário Motta Junior pelo Director do Museu Dr. H. Von Ihering. 30 de dezembro de 1894.

RELATÓRIO apresentado ao digno secretário do Interior Dr. Alfredo Pujol pelo Dr. H. Von Ihering. Director do Museu. 31 de Dezembro de 1895.

SÃO PAULO. Lei n. 192, de 26 de agosto de 1893. Resolve sobre a utilização do Monumento do Ypiranga. São Paulo: Acervo Histórico da Alesp.

SÃO PAULO. Lei n. 200, de 29 de agosto de 1893. Auctoriza o Governo a reorganizar o Museu do Estado. São Paulo: Acervo Histórico da Alesp.

SÃO PAULO. Decreto n. 249, de 26 de julho de 1894. Approva o Regulamento do Museu do Estado, para execução da lei n. 200, de 29 de Agosto de 1893. São Paulo: Acervo Histórico da Alesp.

LIVROS, ARTIGOS E TESES

AFONSO, Simonetta Luz; MOURÃO, Cátia. Em busca de uma Casa para as Cortes - Do Paço das Necessidades à instalação no Mosteiro de São Bento da Saúde (1820 - 1828). In: Os Espaços do Parlamento: Da Livraria das Necessidades ao andar nobre do Palácio das Cortes (1821 - 1903). Lisboa: Assembleia da República, 2003.

ALMEIDA, Vinícius Soares de. A caipirinha (1880-1928): Representações do caipira na peça teatral de Cesário Motta Junior. 2011. Dissertação (Mestrado em História Social) – Faculdade de Filosofia Letras e Ciências Humanas da Universidade de São Paulo. São Paulo, 2011.

ALONSO, Angela. Flores, votos e balas. O movimento abolicionista brasileiro (1868-1888). São Paulo: Companhia das Letras, 2015.

ALVES, Ana Maria de Alencar. O Ipiranga apropriado: Ciência, política e poder – O Museu Paulista, 1893-1922. São Paulo: Humanitas, 2001.

ALVES, Caleb Faria. Benedito Calixto e a construção do imaginário republicano. São Paulo: EDUC, 2006.

AMANCIO, Kleber. A presença (?) negra em Pedro Américo. In: MYRRHA, Lais. Onde está Pedro Américo? Museu do Louvre - Pau Brazil. São Paulo: Guilherme Giugrida; Jéssica Varrichio, 2018.

ARMITAGE, John. História do Brazil. Rio de Janeiro: Typ. Imp. e Const. de J. Villeneuve e Comp, 1837.

AVOLESE, Claudia Valladão de Mattos. Independência ou Morte, de Pedro Américo: entre a materialidade da obra e a imagem em construção. In PICCOLI, Valeria; PITTA, Fernanda, et al. Coleções em diálogo: Museu Paulista e Pinacoteca de São Paulo. São Paulo: Pinacoteca do Estado de São Paulo, 2016.

BARBUY, Heloisa. O Museu Paulista e a Pinacoteca do Estado. IN: ARAUJO, Marcelo Mattos; CAMARGOS, Marcia (orgs.). Pinacoteca: a história da Pinacoteca do Estado de São Paulo. São Paulo: Artemeios, Pinacoteca do Estado, 2007. p. 137-146.

BERBEL, Márcia Regina. A Nação como artefato: Deputados do Brasil nas Cortes Portuguesas (1821 - 1822). São Paulo: Hucitec, 2010.

BREFE, Ana Cláudia Fonseca. O Museu Paulista: Affonso d’Escragnolle Taunay e a memória nacional. São Paulo: Unesp; Museu Paulista, 2005.

BUENO, Alexei. Arte e História do Brasil na Coleção Fadel. Rio de Janeiro: Edições Fadel, 2008.

CANDIDO, Antonio. Os parceiros do Rio Bonito. Rio de Janeiro: Ouro sobre Azul; São Paulo: Edusp, 2017.

CARVALHO, José Murilo de. A Formação das Almas: o imaginário da República do Brasil. São Paulo: Companhia das Letras, 2012.

CHADWICK, Whitney. Amateurs and Academics: A New Ideology of Feminity in France and England. In: Women, Art, and Society. Londres: Thames and Hudson, 2012.

CHASTEL, Andre. Le geste dans l'Art. Paris: Editions Liana Levi, 2001.

CHIARELLI, Tadeu. Anotações sobre Arte e História no Museu Paulista. In FABRIS, Annateresa. Arte e política: algumas possibilidades de leitura. Belo Horizonte: Editoria C/ Arte, 1998.

CHRISTO, Maraliz de Castro Vieira. Bandeirantes na contramão da história: um estudo iconográfico. In: Projeto História: artes da história e outras linguagens. São Paulo: PUC-SP, 2005b, n. 24.

CIVIL PIERRE, M. Culture et histoire: galerie de portraits et “hommes ilustres” dans l'Espagne de la deuxième moitié du XVI siècle. In: Mélanges de la Casa de Velázquez, tome 26-2, 1990.

COLI, Jorge. Introdução à pintura de História In: CHRISTO, Maraliz de Castro Vieira.(org.). Dossiê Pintura de História. Anais do Museu Histórico Nacional. Vol. 39, 2007.

CÔRTE-REAL, Manuel. O Palácio das Necessidades. Lisboa: Ministério dos Negócios Estrangeiros, 1983.

DIARIO DAS CORTES Geraes, Extraordinarias, e Constituintes da Nação Portugueza. Segundo Anno da Legislatura. Tomo VI. Lisboa: Na Imprensa Nacional, 1822. Biblioteca Nacional de Lisboa, Localização: Fg. 4852 4862.

DIAS, Elaine. Independência ou Morte. In: Pedro Américo. Coleção Grandes Pintores Brasileiros. São Paulo: Folha de S.Paulo, 2013.

ELIAS, Maria José. Museu Paulista: memória e história. 1996. Tese (Doutorado em História Social), Faculdade de Filosofia Letras e Ciências Humanas da Universidade de São Paulo. São Paulo, 1996.

FERREIRA, Antonio Celso. A epopéia bandeirante: letrados, instituições, invenção histórica (1870-1940). São Paulo: Unesp, 2002.

FRANCO. Maria Sylvia de Carvalho. Homens livres na ordem escravocrata. São Paulo: Unesp, 1997.

GAMEIRO, Alfredo Roque. As côrtes constituintes de 1820. In: FRANCO, Chagas; SOARES, João (coords.). Prosa original de Chagas Franco. Ilustrações de Roque Gameiro e Alberto de Sousa. Quadros da história de Portugal. Lisboa: Papelaria Guedes, 1917.

GRAHAM, Mary. Journal of a Voyage to Brazil and residence there, during part of the years 1821, 1822, 1823. Londres: Longman, Hurst, Rees, Orme, Brown, and Green, Paternoster-Row; J. Murray, Albermarle-street, 1824.

GOMES, Nathan. A la guerra Americanas: questões de gênero e etnicidade nos retratos de Maria Quitéria de Jesus. Reveu Interdisciplinaire de Travaux sur les Amériques. N. 12, 2019. (no prelo).

GONZAGA, Guilherme G. Augustus Earle: pintor viajante. 2012. Dissertação (Mestrado em Artes). UNB, 2012.

IHERING, Herman von. Crônicas do Museu Paulista: 1894-1921. Museu Paulista, AMP/FMP Livro L4, São Paulo.

IHERING, Hermann von. Relatório apresentado ao digno Secretário do Interior Dr. Cesário Motta Junior, Typographia do Diário Official, São Paulo. [1895]

IHERING, Hermann von. Relatório apresentado ao digno Secretário do Interior Dr. Alfredo Pujol, Typographia do Diário Official, São Paulo, 1896.

IHERING, Rodolpho von. Guia Pelas Coleções do Museu Paulista. Typ. Cardozo, Filho &C., São Paulo, 1907.

JAMES, D. Um pintor inglês no Brasil do primeiro reinado. Revista do Patrimônio Histórico e Artístico. N. 12, 1955.

KNAUSS, Paulo. A festa da imagem: a afirmação da escultura pública no Brasil do século XIX. In: VALLE, Arthur, DAZZI, Camila & PORTELLA, Isabel. Oitocentos: Arte Brasileira do Império a República. Tomo I. Rio de Janeiro: Sopédica Editora da UFFRJ, 2008.

LIMA, Oliveira. O movimento da Independência, 1821 - 1822. (6ª ed., 1922). Rio de Janeiro: Topbooks, 1997.

LIMA, Solange Ferraz de; CARVALHO, Vânia Carneiro de. São Paulo Antigo, uma encomenda da modernidade: as fotografias de Militão nas pinturas do Museu Paulista. Anais do Museu Paulista. São Paulo, nova série, n. 1, 1993.

LIMA JUNIOR, Carlos. Alfredo Roque Gameiro e Oscar Pereira da Silva: um possível diálogo entre artistas do velho e do novo mundo. In: VALLE, Arthur. (et al.). Oitocentos: Intercâmbios Culturais entre Brasil e Portugal. Rio de Janeiro: Seropédica; UFRRJ, 2013. Tomo III.

LIMA JUNIOR, Carlos. Um artista às margens do Ipiranga: Oscar Pereira da Silva, o Museu Paulista e a reelaboração do passado nacional. Dissertação (Mestrado pelo Programa de PósGraduação em Culturas e Identidades Brasileiras). IEB-USP. São Paulo, 2015.

LIMA JUNIOR, Carlos. Salão de Honra do Museu Paulista: projetos e narrativas. In: PICCOLI, Valeria; PITTA, Fernanda. Coleções em diálogo: Museu Paulista e Pinacoteca do Estado. São Paulo: Pinacoteca do Estado de São Paulo, 2016.

LIMA JUNIOR, Carlos. Da pena ao pincel: o passado paulista (re)criado nas encomendas de Afonso Taunay a Oscar Pereira da Silva. Anais do Museu Paulista: História e Cultura Material. São Paulo, n. 26, e. 34, 2018a.

LIMA JUNIOR, Carlos. “...desta tribuna até os reis têm que me ouvir” – Sobre o quadro Sessão das Cortes de Lisboa. 200 - Revista do Grupo de Trabalho do Bicentenário da Independência. Ministério das Relações Exteriores. Ano 1. n. 1 out.-dez., 2018b.

LIMA JUNIOR, Carlos. Morto pelo desejo de Liberdade: a imagem de Tiradentes reabilitada em Tempos de República. In: ALVEAL, Carmen Margarida Oliveira et al. (Orgs.). Anais do VII Encontro Internacional de História Colonial. Mossoró, RN: EDUERN, 2018c. p. 1221-1233.

LIMA JUNIOR, Carlos. O Príncipe D. Pedro e Jorge de Avilez a bordo da Fragata União, de Oscar Pereira da Silva: a Independência em tons belicosos. Revista Navigator. Dossiê Interfaces da Arte no universo da História Marítima e Militar: Estética, Linguagens e Representações. Rio de Janeiro, v. 15, n. 29, 2019.

LIMA JUNIOR, Carlos. A difícil arte de negociar: Afonso Taunay e a contratação dos pintores para o Museu Paulista em tempos de Centenário. (No prelo). Capítulo a ser publicado no livro dedicado à memória dos 100 anos da entrada de Afonso Taunay na direção do Museu Paulista, organizado por Jorge Cintra e Alberto Schneider.

LOPES, Maria Margaret. O Brasil descobre a pesquisa científica: Os museus e as ciências naturais no século XIX. Brasília: UnB, 2009.

LOURENÇO, Maria Cecília França; NASCIMENTO, Ana Paula. Almeida Júnior: um criador de imaginários. São Paulo: Pinacoteca do Estado de São Paulo, 2007. (catálogo de exposição).

MAGALHÃES, Gal. Couto de. O Selvagem. São Paulo: Livraria Magalhães, 1913.

MAKINO, Miyoko. Ornamentação do Museu Paulista para o Primeiro Centenário: construção de identidade nacional na década de 1920. Anais do Museu Paulista. São Paulo. Nova Série. v. 10 – 11. 2002 – 2003.

MARINS, Paulo Cesar Garcez. Nas matas com pose de reis: a representação de bandeirantes e a tradição da retratística monárquica europeia. Revista do Instituto de Estudos Brasileiros da USP, São Paulo, n. 14, p. 77-104, 2007.

MARINS, Paulo Cesar Garcez. O museu da paz: sobre a pintura histórica no Museu Paulista durante a gestão Taunay. In: OLIVEIRA, Cecília Helena de Salles (Coord.). O Museu Paulista e a gestão de Afonso Taunay: escrita da história e historiografia, séculos XIX e XX. São Paulo: Museu Paulista da USP, 2017.

MATTOS, Claudia Valladão de; OLIVEIRA, Cecília Helena de Salles. O Brado do Ipiranga. São Paulo: Edusp, 1999b.

MATTOS, Claudia Valladão de. Da palavra à imagem: sobre o programa decorativo de Affonso Taunay para o Museu Paulista. Anais do Museu Paulista, São Paulo, ano 6, v. 7, n. 7, p. 123-148, 2003.

MENESES, Ulpiano Bezerra Toledo. O Salão de Honra do Museu Paulista e o Teatro da História. In: MENESES, Ulpiano Bezerra Toledo (org.). Como explorar um museu histórico. São Paulo: Museu Paulista da USP, 1992.

MENESES, Ulpiano Bezerra Toledo de. Do teatro da memória ao laboratório da História: a exposição museológica e o conhecimento histórico. Anais do Museu Paulista. 1994. São Paulo, v. 2, n. série, p. 9-42.

MIYOSHI, Alexander Gaiotto. Relatório científico Fapesp. (Pós-doutorado). Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo. São Paulo, 2012.

MONTEIRO, Michelli Cristine Scapol. Fundação de São Paulo, de Oscar Pereira da Silva: trajetórias de uma imagem urbana. 2012. 175 f. Dissertação (Mestrado em História e Fundamentos da Arquitetura) – Faculdade de Arquitetura e Urbanismo, Universidade de São Paulo. São Paulo, 2012.

MONTEIRO, Michelli Cristine Scapol. São Paulo na disputa pelo passado: o Monumento à Independência, de Ettore Ximenes. 2018. Tese (Doutorado em Fundamentos da Arte e da Arquitetura), FAU-USP. São Paulo, 2018.

MOTTA Jr., Cesário. Porto-Feliz e as monções de Cuiabá. In: LISBOA, José Maria, Almanach litterario de S. Paulo para 1884. São Paulo: Typographia da Provincia de São Paulo, 1883. Edição fac-similar. São Paulo: Imprensa Oficial do Estado; Arquivo do Estado; Instituto Histórico e Geográfico de São Paulo, 1983.

MOTTA Jr., Cesário. Relatório apresentando ao Senhor Doutor Presidente do Estado de São Paulo, Pelo Secretário dos Negócios do Interior: a 7 de abril de 1893. São Paulo: Typ. a Vapor de Vanorden & Comp., 1893.

MOTTA Jr., Cesário. Relatório apresentando ao Senhor Doutor Presidente do Estado de São Paulo, Pelo Secretário dos Negocios do Interior: a 28 de março de 1894. São Paulo: Typ. a Vapor de Vanorden & Comp., 1894.

MOTTA Jr., Cesário. Relatório apresentando ao Senhor Doutor Presidente do Estado de São Paulo, Pelo Secretário d’Estado dos Negócios do Interior: a 31 de março de 1895. São Paulo: Typ. do Diario Official, 1895.

NERY, Pedro. Arte, pátria e civilização: A formação dos acervos artísticos do Museu Paulista e da Pinacoteca do Estado de São Paulo (1893-1912). 2015. Dissertação (Mestrado em Museologia), Universidade de São Paulo. São Paulo, 2015.

NERY, Pedro. Acervo em Movimento: Uma coleção de arte para São Paulo. In: Coleções em diálogo: Museu Paulista e Pinacoteca de São Paulo. (Catálogo). São Paulo: Pinacoteca de São Paulo, 2016.

OLIVEIRA, Cecilia Helena de Salles. O espetáculo do Ipiranga: Reflexões preliminares sobre o imaginário da Independência. Anais do Museu Paulista, São Paulo, v.3, p. 195-208, jan/dez. 1995.

OLIVEIRA, Cecília Helena de Salles. Delimitação do lugar do “grito”: propostas e contradições. In: BARBUY, Heloisa. Museu Paulista: Um Monumento no Ipiranga (História de um edifício centenário e de sua recuperação). São Paulo: Federação e Centro das Indústrias do Estado de São Paulo, 1997.

OLIVEIRA, Cecilia Helena de Salles; MATTOS, Claudia Valladão de (org.). O Brado do Ipiranga. São Paulo: Edusp; Museu Paulista da Universidade de São Paulo, 1999.

OLIVEIRA, Cecília Helena de Salles. “O espetáculo do Ypiranga”: mediações entre história e memória. Tese (Livre-Docência). Museu Paulista da USP, 1999a.

OLIVEIRA, Cecília Helena de Salles. O Museu Paulista e o imaginário da Independência. In: OLIVEIRA, Cecília Helena de Salles. (Org.). Museu Paulista: novas leituras. São Paulo: Museu Paulista da USP; Imprensa Oficial, 1999b.

OLIVEIRA, Cecília Helena de Salles. Retrato ficcional e implicações historiográficas: a figura de Gonçalves Ledo na decoração interna do Museu Paulista. In: OLIVEIRA, Cecília Helena de Salles (Org.). O Museu Paulista e a gestão de Afonso Taunay: escrita da História e Historiografia, séculos XIX e XX. São Paulo: Museu Paulista da USP, 2017.

OLIVEIRA FILHO, José da Costa de. O Monumento à Independência – Registros de arquitetura. Anais do Museu Paulista. São Paulo. N. Sér. v. 10/11. p. 127-147 (2002-2003).

PETRELA, Yara Lígia Mello Moreira. Museu Paulista: um edifício de técnica tradicional de construção de alvenarias. 2008. Tese (Doutorado em História e Fundamentos da Arquitetura e Urbanismo), FAU-USP. São Paulo, 2008.

PITTA, Fernanda Mendonça. Um povo pacato e bucólico: Costume e história na pintura de Almeida Júnior. 2013. Tese (Doutorado em Artes Visuais), Escola de Comunicações e Artes, Universidade de São Paulo. São Paulo, 2013.

PITTA, Fernanda. Os pincéis escrevem a história no “Teatro da Memória” – O trabalho artístico, intelectual e político de Benedito Calixto nas encomendas de retratos históricos do Museu Paulista (1900-1906). Relatório de Pós-Doutorado, Programa de Auxílio à Pesquisa, Pró-Reitoria de Pesquisa e Extensão da Universidade de São Paulo, 2014, manuscrito.

PITTA, Fernanda. Pintura de costumes como pintura de história: A Partida da Monção, de José Ferraz de Almeida Júnior. In: Coleções em diálogo: Museu Paulista e Pinacoteca de São Paulo. (Catálogo). São Paulo: Pinacoteca de São Paulo, 2016.

POMIAN, Krzysztof. Le musée face a l’ histoire. In: L’Histoire au musée. Actes du colloque l’ Histoire au musée. Versailles: ACTES SUD, 2004.

POULOT. Dominique. Uma história do patrimônio no Ocidente, séculos XVIII-XXI: do monumento aos valores. São Paulo: Estação Liberdade, 2009.

PRADO, Maria Lígia Coelho. A participação das mulheres nas lutas pela Independência política da América Latina. In: América Latina no século XIX: tramas, telas, textos. São Paulo: EDUSC, 1999.

RANGEL, Alberto do Rego. D. Pedro I e a Marquesa de Santos. Rio de Janeiro: Francisco Alves, 1916.

ROSEMBERG, Liana Ruth Bergstein. Da imagem retórica: a questão da visualidade na pintura de Pedro Américo no Brasil oitocentista. Tese (Doutorado em Estrutura Ambientais e Urbanas). FAU USP, 1998. Orientação Profa. Dra. Ana Maria de Moraes Beluzzo.

SCHWARCZ, Lilia Moritz. Os Guardiões da nossa História Oficial: os institutos históricos e geográficos brasileiros. São Paulo: IDESP: Série História das Ciências Sociais, 1989.

SCHWARCZ, Lilia Moritz. O Espetáculo das Raças: cientistas, instituições e questão racial no Brasil 1870 – 1930. São Paulo: Companhia das Letras, 1993.

SCHWARCZ, Lilia K. Moritz. A natureza como paisagem: imagem e representação no Segundo Reinado. Revista USP. São Paulo, n. 58, p. 6-29, jun.-ago., 2003.

SCHWARCZ, Lilia Moritz; STUMPF, Lúcia Klück; LIMA JUNIOR, Carlos. A Batalha do Avaí – a beleza da barbárie: a Guerra do Paraguai pintada por Pedro Américo. Rio de Janeiro: Sextante, 2013.

SCHWARCZ, Lilia Moritz; STUMPF, Lúcia Klück. Entre o dito e o não dito. In: MYRRHA, Lais. Onde está Pedro Américo? Museu do Louvre - Pau Brazil. São Paulo: Guilherme Giugrida; Jéssica Varrichio, 2018.

SÉRIE, Pierre. La peinture d' histoire en France: 1860 - 1900. Paris: Arthena, 2014.

SIMIONI, Ana Paula Cavalcanti. Entre convenções e discretas ousadias: Georgina de Albuquerque e a pintura histórica feminina no Brasil. RBCS. São Paulo, v. 17, n. 50, 2002.

SIMIONI, Ana Paula Cavalcanti. Les portraits de l' Imperatrice. Genre et politique dans la peinture d'histoire du Brésil. In: Les femmes dans les Amériques: Féminismes, études de genre et identités de genre dans les Amériques, XIX et XXe siècles. Actes du colloque international à Aix-enProvence, décembre, 2013. Disponível em https://bit.ly/1FllBnm. Acesso em: nov. 2014.

SIMIONI, Ana Paula Cavalcanti. LIMA JUNIOR, Carlos. Heroínas em batalha: figurações femininas em museus em tempos de centenário: Museu Paulista e Museu Histórico Nacional, 1922. Museologia & Interdisciplinaridade. Brasília, v. 7, Ano 13, p. 31-54, 2018.

SINGH Jr., Oséias. Partida da monção: Tema histórico em Almeida Junior. 2004. Dissertação (Mestrado) – Instituto de Filosofia e Ciências Humanas, Universidade Estadual de Campinas. Campinas, 2004.

SOUZA, Iara Lis Carvalho. Pátria Coroada: O Brasil como Corpo Político Autônomo 1780 - 1831. São Paulo: Unesp, 1999.

STUMPF, Lúcia Klück. Fragmentos de Guerra: imagens e visualidade da guerra contra o Paraguai (1865 – 1881). 2019. Tese (Doutorado em Antropologia Social). FFLCH-USP. São Paulo, 2019.

TARASANTCHI, Ruth S. Oscar Pereira da Silva. São Paulo: Mercado das Artes, 2006.

TAUNAY, Afonso d’Escragnolle. Relatório referente ao anno de 1919 pelo Director, em Commissão, do Museu Paulista. Revista do Museu Paulista. São Paulo: Typ. a Vapor de Hennies Irmãos, Tomo XII, 1920.

TAUNAY, Afonso d’Esgragnolle. Relatório referente ao anno de 1920 apresentado a 18 de Janeiro de 1921, ao Ex.mo Snr. Secretário do Interior, dr. Alarico Silveira, pelo Director, em commissão, do Museu Paulista, Affonso d’ Escragnolle Taunay. In: Revista do Museu Paulista.

Tomo XIII. Commemorativo do Primeiro Centenario da Independência Nacional. São Paulo: Officinas do Diario Official, 1922a.

TAUNAY, Afonso d’Escragnolle. Grandes vultos da Independência brasileira. Publicação commemorativa do Primeiro Centenário da Independência nacional. São Paulo: Cayeiras; Rio de Janeiro: Companhia Melhoramentos de São Paulo, 1922b.

TAUNAY, Afonso d’Escragnolle. “Do Reino ao Império”. In: Annaes do Museu Paulista. São Paulo: Diario Official, 1927. v. 3. 318 p.

TAUNAY, Afonso d’Escragnolle. Guia da Secção Histórica do Museu Paulista. São Paulo: Imprensa Official do Estado, 1937.

TAUNAY, Afonso d’Escragnolle. Guia do Museu Republicano: “Convenção de Itu”. São Paulo: Departamento Estadual de Informações, 1946.

VALIM, Patricia. Maria Quitéria vai a Guerra. In: FIGUEIREDO, Luciano. História do Brasil para ocupados. São Paulo: Casa das Palavras, 2013.

VESENTINI, Carlos Alberto. Maria Quitéria de Jesus: história e cinema. Anais do Museu Paulista. Universidade de São Paulo. Tomo XXIX, 1979.

Publicado
2019-12-03
Como Citar
Lima Junior, C., & Nery, P. (2019). Do “campônio paulista” aos “homens da Independência”. Anais Do Museu Paulista: História E Cultura Material, 27, 1-47. https://doi.org/10.1590/1982-02672019v27e22d2
Seção
Museus/Dossiê: Pintura de história no Museu Paulista