O visível do invisível

data art e visualização de dados

Palavras-chave: dados, data artist, visualização de dados, design

Resumo

A relação entre nossos sentidos perceptivos e os métodos técnicos de amostragem da realidade material em códigos digitais nos permite acessar em tempo real seus dados constitutivos. Devemos aprender a ver o mundo, pois o mundo é o que vemos; mas qual visão temos dele por meio dos dados? Percebemos que, na formação da imagem, o difuso é a transição para o visível, que ostenta o futuro da imagem, renovando-a no tempo real da transmissão. Artistas que lidam com dados utilizam diversos métodos para capturar, processar e representar a realidade, agora abstraída em instruções binárias, acionadas por algoritmos que objetivam cada vez mais mediar nossa experiência sensível com a realidade. 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Suzete Venturelli, Universidade Anhembi Morumbi (UAM), Universidade de Brasília (UnB), Brasil

Suzete Venturelli atua como professora pesquisadora na Universidade Anhembi Morumbi e na Universidade de Brasília (UnB). Pesquisadora do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq). Publicou vários livros, dentre eles,Arte: espaço_tempo_imagem e Arte computacional, ambos pela editora da UnB. Como artista, apresenta suas obras em espaços institucionais e em intervenções urbanas.

Marcilon Almeida de Melo, Universidade Federal de Goiás (UFG), Brasil

Marcilon Almeida de Melo é graduado em Design Gráfico (2000) pela Universidade Federal de Goiás e mestre em Cultura Visual (2009) também pela UFG. Foi sócio- -fundador do estúdio de design Nitrocorpz, onde desenvolveu trabalho de design gráfico, mídias digitais e projetos de animação. Atualmente, é professor adjunto I do curso de Publicidade e Propaganda da Faculdade de Comunicação e Informação (FIC-UFG). Tem experiência na área de Artes, com ênfase em Tipografia, Cultura Digital e Animação, atuando principalmente nos seguintes temas: interfaces computacionais, creative code, design de jogos e design de interação.

Publicado
2019-05-12
Como Citar
Venturelli, S., & Melo, M. (2019). O visível do invisível. ARS (São Paulo), 17(35), 203 - 214. https://doi.org/10.11606/issn.2178-0447.ars.2019.152451