A arquitetura dos jesuítas no Brasil

  • Lúcio Costa Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional
Palavras-chave: arquitetura no Brasil, Companhia de Jesus, barroco no Brasil, arte no Brasil dos séculos XVI - XVIII, igrejas, traçados urbanísticos

Resumo

Lúcio Costa aborda neste artigo as singularidades das construções jesuíticas no contexto brasileiro, defendendo que essas obras constituíram verdadeiramente nossa "antiguidade". O autor afirma que enquanto na Europa a Companhia se associava à exuberância das construções barrocas, aqui, suas intervenções eram marcadas por uma profunda sobriedade, não obstante deixando entrever um "sabor popular", que desfigurava desde sempre os padrões eruditos, configurando-se como experiências legítimas de recriações. O autor não deixa de atentar para o fato de que no Brasil as características arquitetônicas empreendidas nas obras dos jesuítas extrapolavam a esfera das edificações religiosas, repetindo-se nas demais construções do traçado urbano.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2010-01-01
Como Citar
Costa, L. (2010). A arquitetura dos jesuítas no Brasil . ARS (São Paulo), 8(16), 127-195. https://doi.org/10.1590/S1678-53202010000200009
Seção
Arte, tecnologia e novas mídias