Dinâmica folicular e taxa de prenhez em novilhas receptoras de embrião (Bos taurus indicus x Bos taurus taurus) tratadas com o protocolo "Ovsynch" para inovulação em tempo fixo

  • Pietro Sampaio Baruselli Universidade de São Paulo, Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia, Departamento de Reprodução Animal, São Paulo, SP
  • Márcio de Oliveira Marques Universidade de São Paulo, Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia, Departamento de Reprodução Animal, São Paulo, SP
  • Nelcio Antonio Tonizza de Carvalho Universidade de São Paulo, Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia, Departamento de Reprodução Animal, São Paulo, SP
  • Rodolfo Cassimiro de Araújo Berber Universidade de São Paulo, Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia, Departamento de Reprodução Animal, São Paulo, SP
  • Renato Valentim Universidade de São Paulo, Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia, Departamento de Reprodução Animal, São Paulo, SP
  • Ademário Fernandes de Carvalho Filho Universidade de São Paulo, Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia, Departamento de Reprodução Animal, São Paulo, SP
  • Waldyr Pinto Costa Neto
Palavras-chave: Progesterona, Taxa de prenhez, Receptora de embrião, Bovino, Corpo lúteo

Resumo

Objetivou-se avaliar a eficiência da sincronização da ovulação para inovulação em tempo fixo em novilhas Bos taurus indicus x Bos taurus taurus receptoras de embrião. No Experimento 1, a dinâmica folicular foi acompanhada durante o protocolo "Ovsynch" (G1; n=35) e após a aplicação de PGF2alfa (G2; n=34). No Experimento 2, os mesmos tratamentos foram realizados a campo em 168 (G1) e 177 (G2) novilhas. No D6, colheu-se sangue para dosagem de P4 e se realizaram exames ultra-sonográficos. No D7, realizou-se a inovulação. No Experimento 1, 45,7% dos animais ovularam após o 1º GnRH (P;0,05). Ao final, a taxa de prenhez no Gl foi de 35,7% e no G2 de 25,4% (P<0,05). Foram detectadas em estro 53,7% das novilhas do G2 e 33,3% do Gl (P<0,05). Os corpos lúteos com maior área determinaram maiores concentrações de P4 e taxa de concepção (P<0,05). A sincronização da ovulação para inovulação em tempo fixo aumentou as taxas de ovulação, de aproveitamento e de prenhez em novilhas receptoras de embrião.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2003-01-01
Como Citar
Baruselli, P., Marques, M., Carvalho, N., Berber, R., Valentim, R., Carvalho Filho, A., & Costa Neto, W. (2003). Dinâmica folicular e taxa de prenhez em novilhas receptoras de embrião (Bos taurus indicus x Bos taurus taurus) tratadas com o protocolo "Ovsynch&quot; para inovulação em tempo fixo. Brazilian Journal of Veterinary Research and Animal Science, 40(supl.), 96-106. https://doi.org/10.1590/S1413-95962003000800003
Seção
NÃO DEFINIDA