Avaliação da sensibilidade da técnica computadorizada de análise (CASA) para a determinação da concentração espermática do sêmen bovino congelado

  • André Maciel Crespilho VetSemen – Análise de Sêmen para Inseminação Artificial Universidade Santo Amaro, Curso de Medicina Veterinária Universidade Severino Sombra, Curso de Medicina Veterinária
  • Livia Chiaradia Universidade Santo Amaro, Curso de Medicina Veterinária
  • Adriana Cortez Universidade Santo Amaro, Curso de Medicina Veterinária
  • Marcela Vaz Dinelli Universidade Santo Amaro, Curso de Medicina Veterinária
  • Frederico Ozanam Papa Universidade Estadual Paulista, Departamento de Reprodução Animal e Radiologia Veterinária
  • Gustavo Mendes Gomes Universidade Severino Sombra, Curso de Medicina Veterinária
  • Kleber da Cunha Peixoto Júnior Universidade Santo Amaro, Curso de Medicina Veterinária
Palavras-chave: Sêmen bovino, CASA, Neubauer, Concentração espermática

Resumo

Tradicionalmente, a concentração espermática é avaliada por meio da contagem de células em câmara hemocitométrica de Neubauer, técnica laboriosa adotada na rotina dos laboratórios de andrologia. Uma alternativa para essa contagem é a técnica computadorizada de avaliação espermática (CASA), método que pode aumentar a eficiência e acurácia na determinação da concentração de espermatozoides em uma amostra de sêmen. O presente trabalho relata a avaliação da sensibilidade da técnica CASA para o acesso da concentração de espermatozoides bovinos em pósdescongelação. Foram selecionadas 425 doses de sêmen de reprodutores de diferentes raças, descongeladas a 37°C por 30 segundos e homogeneizadas. Alíquotas de 40 µL de sêmen foram transferidas para tubos cônicos de 1,5 mL previamente preenchidos com 960 µL de água destilada, fixando a taxa de diluição em 1:25 para contagem em câmara de Neubauer. Em contrapartida, alíquotas de 5 µL de cada dose de sêmen foram avaliadas com o emprego do sistema CASA considerando o número mínimo de cinco campos aleatórios e 2 mil espermatozoides por análise. A concentração média de células espermáticas foi de 38,96a ± 1,28 e 35,14b ± 0,82,respectivamente para amostras avaliadas em câmara de Neubauer ou sistema computadorizado, apresentando o coeficiente de correlação de 0,87 (P < 0.0001) e concordância de 0,78 (escala de 0 a 1). Conclui-se que as duas técnicas de avaliação da concentração espermática possuem eficiência similar. No entanto, em virtude da precisão, rapidez e por dispensar a diluição prévia das amostras para a contagem, a CASA é uma alternativa para a contagem de células espermáticas em câmara de Neubauer, sobretudo para grandes centrais de produção de sêmen bovino congelado.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

André Maciel Crespilho, VetSemen – Análise de Sêmen para Inseminação Artificial Universidade Santo Amaro, Curso de Medicina Veterinária Universidade Severino Sombra, Curso de Medicina Veterinária
Departamento de Reprodução Animal, área de Andrologia Veterinária
Publicado
2017-11-24
Como Citar
Crespilho, A., Chiaradia, L., Cortez, A., Dinelli, M., Papa, F., Gomes, G., & Peixoto Júnior, K. (2017). Avaliação da sensibilidade da técnica computadorizada de análise (CASA) para a determinação da concentração espermática do sêmen bovino congelado. Brazilian Journal of Veterinary Research and Animal Science, 54(3), 247-252. https://doi.org/10.11606/issn.1678-4456.bjvras.2017.127773
Seção
ARTIGO COMPLETO