Portal da USP Portal da USP Portal da USP

Esporotricose - gato como fonte de infecção em foco epidêmico familiar em Guarulhos, São Paulo: relato de caso

Leandro Haroutune Hassesian Galati, Jane Tomimori, Carlos Pelleschi Taborda, Nilceo Schwery Michalany, Carlos Eduardo Larsson Júnior, Carlos Eduardo Larsson

Resumo


A esporotricose é uma dermatozoonose que tem como agentes etiológicos fungos do gênero Sporothrix. É responsável por quadros micóticos ditos de implantação. Essa micose, de características antropo e saprozoonóticas e cujas principais fontes de infecção são os felinos domésticos, o solo e os vegetais, tem sido responsável por surtos epizoóticos e epidêmicos no sul e sudeste brasileiro. Este relato apresenta o caso de um felino diagnosticado e tratado para esporotricose pelo Serviço de Dermatologia do Hospital Veterinário da FMVZ/USP, após ter sido encaminhado pelo Departamento de Dermatologia da EPM/Unifesp, onde os proprietários do animal estavam sendo tratados para esporotricose humana.


Palavras-chave


Esporotricose; Zoonose; Dermatologia; Gato; Ergodermatose

Texto completo:

PDF (English)


DOI: http://dx.doi.org/10.11606/issn.1678-4456.bjvras.2017.133772

Métricas do Artigo

Carregando métricas...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.