Comparação entre ceratoplastias lamelares por enxertos autógenos, livres, de córnea e pediculados de conjuntiva. Estudo experimental no cão (Canis familiaris - LINNAEUS, 1758)

  • José Luiz Laus Universidade Estadual Paulista, Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias, Serviço de Oftalmologia, Jaboticabal, SP
  • Mirian Siliance Batista de Souza Universidade Estadual Paulista, Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias, Serviço de Oftalmologia, Jaboticabal, SP
  • Adriana Morales Universidade Estadual Paulista, Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias, Serviço de Oftalmologia, Jaboticabal, SP
  • Alexandre Lima de Andrade Universidade Estadual Paulista, Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias, Serviço de Oftalmologia, Jaboticabal, SP
  • Florêncio Figueiredo Universidade Estadual Paulista, Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias, Serviço de Oftalmologia, Jaboticabal, SP
  • Jaime Maia dos Santos Universidade Estadual Paulista, Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias, Serviço de Oftalmologia, Jaboticabal, SP
  • Victório Valeri Universidade Estadual Paulista, Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias, Serviço de Oftalmologia, Jaboticabal, SP
Palavras-chave: Córnea, Cirurgia, Cães

Resumo

Estudaram-se comparativamente enxertos autógenos de conjuntiva pediculados e de córnea no reparo experimental de ceratectomias  superficiais em cães (Canis familiaris). Empregaram-se 24 animais e estudaram-se as técnicas segundo parâmetros clínicos, histológicos e por microscopia eletrônica de varredura, em períodos precoces e tardios de pós-operatório. Os resultados obtidos indicaram que as técnicas propostas são exeqüíveis e, sobretudo, aplicáveis à cirurgia reparadora oftálmica. Houve poucas e irrelevantes diferenças entre as técnicas testadas.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
1996-03-01
Como Citar
Laus, J. L., Souza, M., Morales, A., Andrade, A., Figueiredo, F., Santos, J., & Valeri, V. (1996). Comparação entre ceratoplastias lamelares por enxertos autógenos, livres, de córnea e pediculados de conjuntiva. Estudo experimental no cão (Canis familiaris - LINNAEUS, 1758). Brazilian Journal of Veterinary Research and Animal Science, 33(1), 41-46. https://doi.org/10.11606/issn.2318-3659.v33i1p41-46
Seção
PATOLOGIA ANIMAL