[1]
Aquino, I., Abramson, C., Morris, A. e Fernandes, A. 2007. Uma maneira prática de distinguir abelhas africanizadas (Apis mellifera L.) de abelhas européias usando o estado excitatório central, a mobilidade dos membros e viabilidade do ferrão. Brazilian Journal of Veterinary Research and Animal Science. 44, 3 (jun. 2007), 212-221. DOI:https://doi.org/10.11606/issn.1678-4456.bjvras.2007.26641.