Flora da Serra do Cipó, Minas Gerais:

Microlicieae (Melastomataceae)

  • Ricardo Pacifico Universidade Estadual de Maringá. Departamento de Biologia
  • Karina Fidanza Universidade Estadual de Maringá. Departamento de Biologia
Palavras-chave: Cadeia do Espinhaço, campo rupestre, eudicots, Myrtales, rosids

Resumo

O estudo da tribo Microlicieae (Melastomataceae) é parte do levantamento da “Flora da Serra do Cipó”, Minas Gerais, Brasil. Em sua delimitação mais recente, Microlicieae engloba os gêneros Chaetostoma, Lavoisiera, Microlicia, Poteranthera, Rhynchanthera, Stenodon e Trembleya. Para a Serra do Cipó foram registrados cinco gêneros e 69 espécies. Os gêneros mais diversos foram Microlicia (42 spp.), Lavoisiera (18 spp.) e Trembleya (7 spp.), enquanto Chaetostoma e Rhynchanthera foram representados por apenas uma espécie. São apresentadas chaves para os gêneros e espécies, descrições, ilustrações e pranchas fotográficas das espécies de Microlicieae, além de comentários sobre sua distribuição geográfica, fenologia e variabilidade morfológica. Adicionalmente, é proposta a nova sinonímia de Microlicia damazioi Brade sob Microlicia cordata Chamisso.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2018-08-15
Como Citar
Pacifico, R., & Fidanza, K. (2018). Flora da Serra do Cipó, Minas Gerais:. Boletim De Botânica, 36, 25-95. https://doi.org/10.11606/issn.2316-9052.v36i0p25-95
Seção
Artigos