Flora da Serra do Cipó, Minas Gerais: Pentaphylacaceae

  • Lívia Godinho Temponi Instituto de Biociências da Universidade de São Paulo
  • Renata Giassi Udulutsch Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz da Universidade de São Paulo
  • Samantha Koehler Instituto de Biologia da Universidade Estadual de Campinas
Palavras-chave: Pentaphylacaceae, Serra do Cipó, Flora, Ternstroemia

Resumo

Espécies pertencentes a Pentaphylacaceae (Ternstroemiaceae sensu Candolle ou Theaceae-Terstroemioideae sensu Cronquist) são consideradas neste tratamento. Foram identificadas espécies na Serra do Cipó: Ternstroemia alnifolia Wawra e T. carnosa Cambess. Ambas têm distribuição restrita ao Brasil, e podem ser diferenciadas pelas seguintes características: T. alnifolia apresenta folhas com margem serrilhada na porção distal, nervação broquidódroma e estames em número igual ou superior a 50, enquanto T. carnosa apresenta a margem foliar inteira, nervação hifódroma e 25 estames. São apresentadas chave de identificação, descrições, ilustrações e comentários sobre taxonomia e distribuição geográfica das espécies.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Lívia Godinho Temponi, Instituto de Biociências da Universidade de São Paulo
Departamento de Botânica
Renata Giassi Udulutsch, Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz da Universidade de São Paulo
Departamento de Ciências Biológicas
Samantha Koehler, Instituto de Biologia da Universidade Estadual de Campinas
Departamento de Botânica
Publicado
2004-06-23
Como Citar
Temponi, L., Udulutsch, R., & Koehler, S. (2004). Flora da Serra do Cipó, Minas Gerais: Pentaphylacaceae. Boletim De Botânica, 22(1), 35-38. https://doi.org/10.11606/issn.2316-9052.v22i1p35-38
Seção
nãodefinida