Migração vertical de Lucifer faxoni Borradaile, 1915 (Curstacea-Decapoda) nas águas ao Largo de Santos, Brasil

  • Maria Paloma Jimenez Alvarez Departamento de Zoologia. Instituto de Biociências. Universidade de São Paulo
Palavras-chave: Migração vertical, Lucifer faxoni, Desenvolvimento

Resumo

A migração vertical dos vários estágios de desenvolvimento de Lucifer faxoni foi estudada nas quatro estações do ano, em águas ao largo de Santos (24°16'S e 46º 00'W). Os espécimes maduros de ambos os sexos migraram segundo o mesmo padrão. Houve diferenças na migração de espécimes maduros e larvas em julho (1960) quando as larvas migram inversamente, e em novembro (1961) quando elas se concentraram próximas à superfície. A distribuição vertical da espécie em abril (1960) foi limitada possivelmente pela presença de água fria abaixo dos 20 metros de profundidade.
Publicado
1985-10-25
Seção
Artigos