[1]
J. M. Freitas, Os clássicos e os emergentes, Caligrama (São Paulo. Online), vol. 4, nº 1, abr. 2008.