Aprender com o imigrante: a produção Multi/Intercultural da diversidade em Portugal

  • Marcelo Alario Ennes Universidade Federal de Sergipe
Palavras-chave: imigração, interculturalidade, educação

Resumo

Este artigo tem como objeto central de análise três publicações produzidas e divulgadas no âmbito do II Plano de Integração de Imigrantes cujo objetivo mais abrangente é promover o convívio e o diálogo com a diversidade cultural, religiosa e linguística. Objetivo principal do artigo é confrontar as publicações com as ideias que têm norteado o debate sobre a diversidade em suas versões multi/interculturais e, assim, contribuir para o aprofundamento de estudos sobre políticas de integração de imigrantes e gestão da diversidade. O artigo foi desenvolvido com base em revisão de literatura e fundamentação teórica, dados secundários publicados pela ONU e observação de campo nas cidades de Lisboa, desenvolvida durante a realização de meu estágio de pós-doutoral. A análise empreendida com base na discussão sobre multi/interculturalidade me permite dizer que as publicações não apresentam modelos prontos de integração e gestão da diversidade e, ao mesmo tempo, leva ao leitor a uma situação e, também, a um imigrante ideal com os quais o/a português/a pode aprender

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Marcelo Alario Ennes, Universidade Federal de Sergipe
Doutor em Sociologia pela UNESP/Araraquara. Docente da Universidade Federal de Sergipe. Departamento de Educação – Campus Prof. Alberto Carvalho, Itabaiana/SE. Programa de Pós-Graduação em Sociologia – PPGS/ UFS. Líder do Grupo de Pesquisa Processos Identitários e Poder – GEPPIP. Pesquisador colaborador do Centro de Estudos sobre Migrações e Relações Interculturais – CEMRI/UAb/Portugal
Como Citar
Ennes, M. (1). Aprender com o imigrante: a produção Multi/Intercultural da diversidade em Portugal. Cadernos CERU, 25(1), 197-224. Recuperado de http://www.revistas.usp.br/ceru/article/view/89162
Seção
Artigos