Aspectos da tradução de versos dos poemas de Púchkin citados em "Meu Púchkin", de Marina Tsvetáieva

  • Paula Costa Vaz de Almeida
Palavras-chave: Aleksandr Púchkin, Marina Tsvetáieva, poesia russa, prosa russo-soviética, tradução literária

Resumo

Este artigo propõe uma reflexão sobre alguns aspectos da tradução de versos de poemas de Aleksandr Púchkin citados por Marina Tsvetáieva em seu ensaio "Meu Púchkin", escrito em Paris no ano de 1937. Para tanto, recorreu-se à análise e à exposição das estratégias de recriação tanto dos versos citados diretamente quanto daqueles que são citados indiretamente, incorporando-se ao tecido do texto tsvetaieviano. Com isso, busca-se, ainda, pensar o ofício da tradução literária de um modo geral, à luz do que seria a “tarefa do tradutor”, segundo Walter Benjamin.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Paula Costa Vaz de Almeida

Tem graduação em Letras (Português/Russo) pela Universidade de São Paulo (2004), mestrado (2008) e doutorado (2014) em Literatura e Cultura Russa também pela USP, ambos com bolsa da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES), nos quais estudou a prosa da poeta russa Marina Tsvetáieva. Tem experiência como professora dos ensinos Fundamental II, Médio e Superior. Dedica-se também à tradução de textos literários e de especialidades, tendo traduzido, além do ensaio “Meu Púchkin” para a dissertação de mestrado, dois ensaios de Marina Tsvetáieva e o livro Teoria geral do direito e marxismo, de Evguiéni Pachukanis, ambos para a Boitempo Editorial, entre outros.

Publicado
2018-06-08
Como Citar
Almeida, P. (2018). Aspectos da tradução de versos dos poemas de Púchkin citados em "Meu Púchkin", de Marina Tsvetáieva. Cadernos De Literatura Em Tradução, (20), 171-187. Recuperado de http://www.revistas.usp.br/clt/article/view/146795
Seção
Período soviético e Revolução