Interfaces da Comunicação e da Educação na escola: a experiência do CAp-UFRJ em diálogo com alunos e professores

  • Beatriz Becker Univesidade Federal do Rio de Janeiro
Palavras-chave: comunicação, jornalismo, mídia e educação, análise televisual, CAp-UFRJ

Resumo

A visualidade eletrônica redimensiona as formas de visibilidade da cultura e produz modos distintos de socialização e de significação da experiência. O desenvolvimento e os usos das tecnologias digitais provocam transformações nas maneiras de ler, escrever e entender o mundo e impõem reflexões sobre desafios e potencialidades das interfaces da Comunicação e da Educação na formação escolar. Este trabalho busca identificar como alunos e professores do ensino médio compreendem a relevância da leitura crítica da mídia e de usos de tecnologias digitais em processos de aprendizagem e a pertinência da inserção ou não de uma disciplina sobre Comunicação e Jornalismo na formação escolar, a partir de pesquisa desenvolvida em parceria com o Colégio de Aplicação da Universidade Federal do Rio de Janeiro (CAp-UFRJ).

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Beatriz Becker, Univesidade Federal do Rio de Janeiro
Professora associada do Programa de Pós-Graduação e do Departamento de Expressões e Linguagens da Escola de Comunicação da Universidade Federal do Rio de Janeiro. 

Referências

BECKER, B. Mídia, Telejornalismo e Educação. Matrizes: Revista do Programa de Pós-Graduação em Ciências da Comunicação da Universidade de São Paulo, São Paulo: ECA/USP, v.10, n.1, 2016.

_______. Mapeamento das pesquisas em Telejornalismo no Brasil: um estudo da produção acadêmico-científica de 2010 a 2014. Revista FAMECOS: mídia, cultura e tecnologia, v. 22, n. 4, 2015. Disponível em: <http://revistaseletronicas.pucrs.br/ojs/index.php/revistafamecos/article/view/20534>. Acesso em: 13 abr. 2016.

BURCH, N. Práxis do Cinema. São Paulo: Perspectiva, 2015.

CURRAN, J. Media and democracy. Londres; Nova York: Routledge, 2011.

MARTÍN-BARBERO, J. A comunicação na educação. São Paulo: Contexto, 2014.

RANCIÈRE, Jacques. Le spectateur émancipé. Paris: La Fabrique Éditions, 2008.

SODRÉ, M. A Ciência do Comum. Notas para o método comunicacional. Petrópolis, RJ: Vozes, 2014.

_______. Reinventando a educação: diversidade, descolonização e redes. Petrópolis: Vozes, 2012.

VILELA, R. S. Jóvenes y cultura audiovisual: nuevos modos de ver televisión. Revista Famecos, v. 23, n. 2, 2016.

Publicado
2017-06-06
Como Citar
Becker, B. (2017). Interfaces da Comunicação e da Educação na escola: a experiência do CAp-UFRJ em diálogo com alunos e professores. Comunicação & Educação, 22(1), 21-29. https://doi.org/10.11606/issn.2316-9125.v22i1p21-29