Ensinar metodologia: questões epistemológicas nas proposições de 33 programas de ensino da disciplina em cursos de jornalismo

  • Luís Mauro Sá Martino Faculdade Cásper Líbero
  • Rafael Grohmann Fiam-Faam – Centro Universitário e Universidade de São Paulo
Palavras-chave: metodologia, epistemologia, teoria da comunicação, ensino

Resumo

A disciplina “metodologia de pesquisa”, tal como ensinada nas graduações de comunicação, pode ser vista como um microcosmos das questões epistemológicas da área. Este artigo analisa os programas de ensino de trinta universidades para delinear algo do que se pensa sob esse nome nos cursos de comunicação com habilitação em jornalismo. A análise indica três elementos: (a) há uma preocupação maior com questões sobre conhecimento e ciência do que com comunicação; (b) escrita e formatação superam problemáticas epistemológicas; assim como (c) as particularidades da pesquisa em comunicação quase não são endereçadas.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Luís Mauro Sá Martino, Faculdade Cásper Líbero

Professor do mestrado em comunicação da Faculdade Cásper Líbero. Doutor em ciências sociais pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP).

Rafael Grohmann, Fiam-Faam – Centro Universitário e Universidade de São Paulo

Professor e coordenador do mestrado profissional em jornalismo do Fiam-Faam – Centro Universitário e professor contratado III da Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo (USP). Doutor em ciências da comunicação pela Universidade de São Paulo (USP).

Publicado
2017-11-16
Como Citar
Martino, L. M., & Grohmann, R. (2017). Ensinar metodologia: questões epistemológicas nas proposições de 33 programas de ensino da disciplina em cursos de jornalismo. Comunicação & Educação, 22(2), 21-35. https://doi.org/10.11606/issn.2316-9125.v22i2p21-35