Educomunicação e Jornalismo

uma análise da relação Comunicação/ Educação em MT e MS a partir das contribuições de Paulo Freire

Palavras-chave: jornalismo, educomunicação, comunicação e educação, Paulo Freire, emancipação

Resumo

O objetivo deste artigo é identificar a pertinência da educomunicação para os cursos de jornalismo, com ênfase nas contribuições de Paulo Freire, fundamentado nas experiências realizadas em cursos de jornalismo nos estados de Mato Grosso e Mato Grosso do Sul. A análise parte da aplicabilidade do pensamento de Freire aos estudos jornalísticos, com base nas reflexões de Meditsch e Faraco, Oliveira e Ijuim, e resgata o diálogo e formação crítica para o exercício de um jornalismo capaz de promover a emancipação e libertação de sujeitos protagonistas, que assumam o controle e a responsabilidade numa sociedade midiatizada e mediada pela comunicação e tecnologia. As experiências mostram a apropriação do conceito da Educomunicação, a partir de Soares e Citelli, no ensino superior, alicerçada no tripé “ensino, pesquisa e extensão”.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Antonia Alves Pereira, Universidade do Estado de Mato Grosso (Unemat)

Mestre em Ciências da Comunicação pela USP. Especialista em Educação a Distância pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial do Rio de Janeiro (Senac-RJ). Professora do curso de Jornalismo da Universidade do Estado de Mato Grosso (Unemat).

Rose Mara Pinheiro, Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS)

Doutora em Comunicação pela Universidade de São Paulo (USP). Mestre em Comunicação
Social pela Universidade Metodista de São Paulo (Umesp). Professora do curso de Jornalismo e
do Mestrado em Comunicação da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS).

Referências

ARANHA, Angelo Sottovia. Cenário de convergência desafia a formação de jornalistas. In: BRONOSKY, Marcelo Engel; CARVALHO, Juliano Maurício (orgs.). Jornalismo e convergência. São Paulo: Cultura Acadêmica, 2014. p. 89-113.

BORDENAVE, Juan Díaz. O que é participação. 8. ed. São Paulo: Brasiliense, 1994.

BRASIL. Ministério da Educação. Diretrizes Curriculares Nacionais para o curso de Jornalismo: relatório da Comissão de Especialistas instituída pelo Ministério da Educação. Brasília, DF, 2009. Disponível em: . Acesso em: 10 mar. 2017.

CITELLI, Adilson; OROFINO, Maria Isabel. Uma apresentação entre mediações. In: OROZCO GÓMEZ, Guillermo. Educomunicação: recepção midiática, aprendizagens e cidadania. São Paulo: Paulinas, 2014. p. 7-12.

FREIRE, Paulo. Extensão ou comunicação? 8. ed. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1983.

HOROCHOVSKI, Rodrigo Rossi; MEIRELLES, Giselle. Problematizando o conceito de empoderamento. In: Seminário Nacional Movimentos Sociais, Participação e Democracia, 2., 2007, Florianópolis. Anais… Florianópolis: UFSC, 2007. Disponível em: <http://www.sociologia.ufsc.br/npms/rodrigo_horochovski_meirelles.pdf>. Acesso em: 25 maio 2013.

IJUIM, Jorge Kanehide. A responsabilidade social do jornalista e o pensamento de Paulo Freire. Em Questão, Porto Alegre, v. 15, n. 2, p. 31-43, jul.-dez. 2009.

LAGO, Cláudia. Educomunicação e jornalismo. In: COLÓQUIO MATO-GROSSENSE DE EDUCOMUNICAÇÃO, 2., 2016, Alto Araguaia. Anais… São Paulo: Associação Brasileira de Pesquisadores e Profissionais em Educomunicação, 2016. Disponível em: <http://www.educomunicacao.org/educom/2016/04/26/mesa-redonda-educomunicacao-no-ensino-superior-de-jornalismo/>. Acesso em: 10 out. 2018.

MACHADO, Salvatierra Eliany. Pelos caminhos de Alice: vivências na educomunicação e a dialogicidade no Educom.TV. 2009. 123 f. Dissertação (Mestrado em Ciências da Comunicação) – Universidade de São Paulo, São Paulo, 2002.

MEDINA, Cremilda. O signo da relação: comunicação e pedagogia dos afetos. São Paulo: Paulus, 2006.

MEDITSCH, Eduardo; FARACO, Mariana Bittencourt. O pensamento de Paulo Freire sobre jornalismo e mídia. Intercom, São Paulo, v. 26, n. 1, p. 25-46, jan.-jun. 2003. Disponível em: <http://portcom.intercom.org.br/revistas/index.php/revistaintercom/article/view/1031>. Acesso em: 5 maio 2018.

MESSIAS, Claudio. Duas décadas de educomunicação: da crítica ao espetáculo. 2011. 240 f. Dissertação (Mestrado em Interfaces Sociais da Comunicação) – Universidade de São Paulo, São Paulo, 2011. Disponível em: <http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/27/27154/tde-24032012-102952/pt-br.php>. Acesso em: 5 maio 2018.

OLIVEIRA, Dennis. Jornalismo e emancipação: uma prática baseada em Paulo Freire. Curitiba: Appris, 2017.

OROZCO GÓMEZ, Guillermo. Educomunicação: recepção midiática, aprendizagens e cidadania. São Paulo: Paulinas, 2014.

PERUZZO, Cicília M. Krohling. Televisão comunitária. Rio de Janeiro: Mauad, 2007.

PINHEIRO, Rose Mara. A educomunicação nos centros de pesquisa do país: um mapeamento da produção acadêmica com ênfase à contribuição da ECA/USP na construção do campo. 2013. 223 f. Tese (Doutorado em Interfaces Sociais da Comunicação) – Universidade de São Paulo, São Paulo, 2013. Disponível em: <http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/27/27154/tde-27022014-111812/pt-br.php>. Acesso em: 5 maio 2018.

ROTHBERG, Danilo. Jornalismo, educação profissional e diretrizes curriculares. In: SOARES, Murilo Cesar et. al. (orgs.). Mídia e cidadania: conexões emergentes. São Paulo: Cultura Acadêmica, 2012. p. 217-232.

SILVA FILHO, Genésio Zeferino. Educomunicação e sua metodologia: um estudo a partir de práticas de ONGs no Brasil. 2004. 268 f. Tese (Doutorado em Comunicação Social) – Universidade de São Paulo, São Paulo, 2004.

SOARES, Ismar de Oliveira. Comunicação/educação: a emergência de um novo campo e o perfil de seus profissionais. Contato, Brasília, ano 1, n. 2, p. 19-74, jan.-mar. 1999.

______. Caminhos da educomunicação. São Paulo: Salesiana, 2001.

______. Educomunicação e terceiro entorno: diálogos com Galimberti, Echeverría e Martín-Barbero. Comunicação e Educação, São Paulo, ano 15, n. 3 p. 57-66, set.-dez. 2010.

______. Educomunicação: o conceito, o profissional, a aplicação. São Paulo: Paulinas, 2011.

VIANA, Claudemir Edson. O processo educomunicacional: a mídia na escola. 2000. 205 f. Dissertação (Mestrado em Ciências da Comunicação) – Universidade de São Paulo, São Paulo, 2000.

Publicado
2018-12-31
Como Citar
Pereira, A., & Pinheiro, R. (2018). Educomunicação e Jornalismo. Comunicação & Educação, 23(2), 85-94. https://doi.org/10.11606/issn.2316-9125.v23i2p85-94