Os bairros-jardim em São Paulo

tombamento, zoneamento e valores urbanos

  • Sarah Feldman Universidade de São Paulo, São Carlos, São Paulo, Brasil
Palavras-chave: Bairro-jardim, Zoneamento urbano., Políticas públicas., Preservação do patrimônio.

Resumo

Os bairros Jardim América, Jardim Europa, Jardim Paulista e Jardim Paulistano formam o primeiro conjunto urbano tombado na cidade de São Paulo pelo Conselho de Defesa do Patrimônio Histórico, Arqueológico, Artístico e Turístico do Estado de São Paulo (Condephaat). O texto discute o tombamento dos Jardins a partir de três eixos. O primeiro aborda o papel do zoneamento na proteção dos bairros-jardim e a convergência entre a concepção do instrumento e os interesses da Cia City: garantir a exclusividade do uso residencial unifamiliar e a valorização da propriedade. O segundo discute a dicotomia entre valores e significados urbanos do patrimônio cultural e do zoneamento. Por fim, são apontados desafios de inclusão do patrimônio cultural no campo mais abrangente dos valores urbanos, como caminho para reconhecer as práticas sociais como indissociáveis da base material na dimensão urbana.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Sarah Feldman, Universidade de São Paulo, São Carlos, São Paulo, Brasil

Arquiteta e urbanista pela Universidade Mackenzie; mestre e doutora em Arquitetura e Urbanismo pela Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidade de São Paulo; livre-docente pela Escola de Engenharia de e professora livre-docente sênior do Instituto de Arquitetura e Urbanismo (São Carlos USP). Bolsista produtividade em Pesquisa CNPq, integra o Grupo de Trabalho Políticas Públicas e Territórios do Conselho Latino-Americano de Ciências Sociais e rede de pesquisadores Urbanismo.br. Área de atuação: História do Urbanismo no Brasil, com ênfase em instituições de urbanismo, legislação urbanística, bairros centrais – urbanização, metropolização e construção de territórios.

Publicado
2019-01-04
Como Citar
Feldman, S. (2019). Os bairros-jardim em São Paulo. Revista CPC, 13(26esp), 94-115. https://doi.org/10.11606/issn.1980-4466.v13i26espp94-115