Restauro contemporâneo: algumas abordagens

  • Alessandro Pergoli Campanelli Università degli Studi di Roma La Sapienza; Faculdade de Arquitetura Valle Giulia
  • Beatriz Mugayar Kühl Universidade de São Paulo; Faculdade de Arquitetura e Urbanismo; Departamento de História da Arquitetura e Estética
Palavras-chave: Restauração, Preservação do patrimônio, Patrimônio cultural

Resumo

O texto visa apresentar a diversidade de abordagens contemporâneas de restauro, a partir de dois casos específicos. No caso da enorme área arqueológica de Angkor, no Camboja, que está listada como parte do Patrimônio Mundial da UNESCO, são apresentadas as diversas intervenções levadas a cabo pelas várias equipes de restauração, de nacionalidades diferentes, nos vários templos do grande complexo. Discutem- se também questões conceituais decorrentes da invasão das ruínas pela vegetação tropical. No caso dos Amorini de Canova, são apresentadas as circunstâncias que levaram aos diferentes estados de conservação das esculturas, o que nos leva a refletir sobre as implicações das diversas formas de tratamento das superfícies externas das obras arquitetônicas. De ambos os casos relatados, extraem- se elementos para uma reflexão crítica sobre as diferentes orientações teóricas da disciplina do restauro e da conservação na Europa.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2009-04-01
Como Citar
Campanelli, A., & Kühl, B. (2009). Restauro contemporâneo: algumas abordagens . Revista CPC, (7), 20-42. https://doi.org/10.11606/issn.1980-4466.v0i7p20-42
Edição
Seção
Artigos