BARTHES E MUSIL, COMO VIVER JUNTO: AS TABELAS LITERÁRIAS DE GONÇALO M. TAVARES

Autores

  • Gisela Anauate Bergonzoni Universidade de Rennes II (França) / Capes

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.1984-1124.v0ispep49-55

Palavras-chave:

Roland Barthes, Robert Musil, Tabelas Literárias, Gonçalo M. Tavares, Prazer, Texto Fragmentário.

Resumo

Esta comunicação apresenta uma análise de Roland Barthes e Robert Musil (2004), do escritor português Gonçalo M. Tavares. Trata-se de um texto literário peculiar, disposto em forma de planilhas, que o autor denomina “tabelas literárias”. Busco mostrar como Tavares faz viver Roland Barthes para além das citações e referências ao autor francês. Para tanto, proponho uma leitura do texto à imagem invertida da “leitura drogada” de Sarrasine, de Balzac, que Barthes realizou num seminário entre 1967 e 1969 e que resultou no livro S/Z, de 1970. Busco também relacionar as “tabelas literárias” à ideia de “cálculo de prazer” contida no estudo de Barthes sobre a obra de Charles Fourier em Sade, Fourier, Loyola (1971). A proposta desta comunicação é aproximar as “tabelas literárias” de Tavares – um dispositivo de exatidão que emoldura um texto poético e fragmentário – ao movimento diacrônico que faz a própria obra de Barthes, partindo do entusiasmo com o formalismo nos anos 50 e 60 em direção ao prazer do Texto nos anos 70.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Gisela Anauate Bergonzoni, Universidade de Rennes II (França) / Capes

Doutoranda em Literatura Comparada na Universidade de Rennes II (França) e é bolsista da Capes.

Referências

BARTHES, R. S/Z. Paris: Seuil, 1970.

BARTHES, R. “Ancienne rhétorique: aide-mémoire”. Communications, Paris, v.16, n.16, p. 172-223, 1970.

BARTHES, R. Aula. Tradução de Leyla Perrone-Moisés. São Paulo: Cultrix, 1989.

BARTHES, R. “Saussure, o signo, a democracia”. In: A aventura semiológica. São Paulo: Martins Fontes, 2002.

BARTHES, R. La préparation du roman I et II: Cours et séminaires au collège de France (1978-1979 et 1979-1980). Paris: Seuil, 2003.

BARTHES, R. Sade, Fourier, Loyola. Tradução de Mário Laranjeira. São Paulo: WMF Martins Fontes, 2005.

BARTHES, R. Sarrasine de Balzac : Séminaires à l’Ecole pratique des hautes études 1967-1968, 1968-1969. Paris: Seuil, 2011.

TAVARES, G. M. A perna esquerda de Paris, seguido de Roland Barthes e Robert Musil. Lisboa: Relógio d'Água, 2004.

TAVARES, G. M. O senhor Henri e a enciclopédia. Rio de Janeiro: Casa da Palavra, 2011.

Downloads

Publicado

2015-12-30

Como Citar

Bergonzoni, G. A. (2015). BARTHES E MUSIL, COMO VIVER JUNTO: AS TABELAS LITERÁRIAS DE GONÇALO M. TAVARES. Revista Criação & Crítica, (spe), 49-55. https://doi.org/10.11606/issn.1984-1124.v0ispep49-55