Decifra-me ou me devoras: um paladar tagarela em "Sob o sol-jaguar", de Italo Calvino

Autores

  • Laís Mendes Velloso Universidade Federal de Minas Gerais

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.1984-1124.v0i18p123-137

Palavras-chave:

comida, sentidos, Sob o sol jaguar, Italo Calvino

Resumo

Os estudos acerca da presença e dos efeitos da comida têm contribuído de maneira considerável e pluralizada acerca da tematização que abrange as questões do corpo, da fome, da memória, da tradição e da experiência à mesa em diferenciados momentos da literatura. Considerando o conto sobre o paladar presente na obra póstuma de Italo Calvino, Sob o sol-jaguar (1986), este trabalho pretende cotejar o jogo entre fala e escuta que é traçado entre os protagonistas da narrativa, a partir da relação estabelecida pela presença da comida no conto. Por meio da linguagem metafórica alimentar, o narrador reelabora circunstâncias de proximidade e afastamento nas quais a comida é canal de afetos, partilha, desatadora de conflitos e da ausência de comunicação entre os personagens.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Laís Mendes Velloso, Universidade Federal de Minas Gerais

Mestre em Estudos Literários pela Faculdade de Letras da Universidade Federal de Minas Gerais e licenciada em português e italiano pela mesma instituição, por onde realizou intercâmbio na Facoltà di Lettere, da Università di Bologna. Seus estudos contemplam as relações entre comida, paladar, semiologia do gosto, literatura e literatura italiana.

Referências

BARTHES, Roland. L'alimentazione contemporanea. 1961. In: ______. Scritti, società, testo, comunicazione. Torino: Einaudi, 1998. p. 31-41 apud CARRARA, Lorena. Intorno alla tavola: cibo da leggere, cibo da mangiare. Torino: Codice, 2013.

BARTHES, Roland. O óbvio e o obtuso: ensaios críticos. Tradução de Léa Novaes. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 1990. v. III.

CALVINO, Italo. Sob o sol-jaguar. In: ______. Sob o sol-jaguar. Tradução de Nilson Moulin. 2. ed. São Paulo: Companhia das Letras, 2010.

CALVINO, Italo. Sob o sol-jaguar. Tradução de Nilson Moulin. 2. ed. São Paulo: Companhia das Letras, 2010.

CARRARA, Lorena. Intorno alla tavola: cibo da leggere, cibo da mangiare. Torino: Codice, 2013.

CAVALIERI, Rosalia. Gusto: l’intelligenza del palato. Bari: Laterza, 2011.

MONTANARI, Massimo. Il cibo come cultura. Roma: Laterza, 2004.

OLIVEIRA, Laís Mendes Velloso de. A segunda língua: por uma leitura de paladar em Italo Calvino. 2017. 152 f. Dissertação (Mestrado em Estudos Literários) – Faculdade de Letras, Universidade Federal de Minas Gerais, Belo Horizonte, 2017.

SERRES, Michel. Os cinco sentidos: filosofia dos corpos misturados. Tradução de Eloá Jacobina. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 2001.

Downloads

Publicado

2017-06-30

Como Citar

Velloso, L. M. (2017). Decifra-me ou me devoras: um paladar tagarela em "Sob o sol-jaguar", de Italo Calvino. Revista Criação & Crítica, (18), 123-137. https://doi.org/10.11606/issn.1984-1124.v0i18p123-137