Um ghul dentro do peito

Do conto “O Infeliz”, de Abd Arrahman Munif

Autores

  • Adriano Aprigliano Universidade de São Paulo

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.1984-1124.v0ispep117-133

Palavras-chave:

literatura árabe moderna, conto árabe, nomadismo, urbanização

Resumo

Em “O Infeliz”, Almankūd, do escritor jordaniano ‘Abd Arraḥmān Munīf (1933-2004), o narrador resgata suas memórias de criança sobre o tio beduíno. Subjacente ao relato familiar, revela-se uma perspectiva contundente sobre o conflito entre a vida urbana moderna e o tradicional nomadismo das regiões desérticas do Oriente Médio. Apresento aqui a primeira tradução desse conto para o português brasileiro. Nas notas à tradução, comento particularidades do árabe literário e minhas soluções em português. Na introdução, sumarizo a vida e a obra do autor, bem como a estrutura e os temas centrais de “O infeliz”.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Adriano Aprigliano, Universidade de São Paulo

Professor de Língua e Literatura Latina na Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da USP.

Referências

SCHELLINGER, P. (ed.). Encyclopedia of the Novel. Londres, Routledge, 1998.

BADAWI, M.M. (ed.) Modern Arabic Literature. Cambridge, Cambridge University Press, 1992. Online:

<https://www.theguardian.com/news/2004/feb/05/guardianobituaries.booksobituaries> <http://www.assignmentpoint.com/arts/biography/biography-of-abdul-rahman-munif.html>

Downloads

Publicado

2020-09-04

Como Citar

Aprigliano, A. (2020). Um ghul dentro do peito: Do conto “O Infeliz”, de Abd Arrahman Munif. Revista Criação & Crítica, (spe), 117-133. https://doi.org/10.11606/issn.1984-1124.v0ispep117-133