Combate ao niilismo e ao totalitarismo em Camus

  • Emanuel Ricardo Germano Universidade Federal do Ceará
Palavras-chave: totalitarismo, filosofia, niilismo, nietzschiano, heraclitiano, poder

Resumo

A partir de uma leitura da peça Calígula, elaborada entre 1941 e 1943, procurar-se-á contribuir na restituição das preocupações éticas, políticas e filosóficas em cena no teatro de Albert Camus, analisando o sentido de sua expressão teatral no contexto de dois combates,ao niilismo filosófico e ao totalitarismo político de seu tempo. Observaremos em Calígula um importante registro do amadurecimento das leituras de duas heranças filosóficas relevantes na formação intelectual de Camus, Nietzsche e Heráclito, à luz da experiência do totalitarismo, observando e ressaltando com isso a amplitude de seu intertexto filosófico e a importância do aporte ético e político de Camus como pensador multifacetado, engajado nos enfrentamentos históricos e solicitações críticas de seu tempo.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Emanuel Ricardo Germano, Universidade Federal do Ceará
Professor Adjunto (DE) de Filosofia da UFC (Universidade Federal do Ceará) atua, principalmente, na área de Ética e Filosofia Política. Graduado, Mestre em Filosofia Moderna e Doutor em Filosofia Contemporânea pela Universidade de São Paulo foi também aluno da ENS (École Normale Supérieure de Paris) por 2 anos, atuando como Doutorando junto ao Departamento de Filosofia e pesquisador junto ao Centre International de Recherche de la Philosophie Française Contemporaine da ENS. Seu Pós-Doutorado pelo Departamento de Filosofia da USP se encontra atualmente em suspensão devido ao seu atual vínculo profissional na UFC. É parecerista da Revista Argumentos(UFC), dos Cadernos de Ética e Filosofia Política e da Revista Primeiros Escritos, ambas publicações da USP
Publicado
2013-05-22
Como Citar
Germano, E. (2013). Combate ao niilismo e ao totalitarismo em Camus. Revista Criação & Crítica, (10), 23-37. https://doi.org/10.11606/issn.1984-1124.v0i10p23-37
Seção
Artigos