[1]
R. S. de Oliveira, “Máscaras mortuárias em Hilda Hilst”, Rev. Cria. Crít., nº 5, p. 1-18, out. 2010.