Juventude nos musseques da literatura angolana: mesmos caminhos, outras trajetórias

  • Denise Cenci Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas.
Palavras-chave: Musseque, Juventude, Luandino Vieira, Pepetela, Angola

Resumo

Este texto propõe um olhar para o percurso e os horizontes de dois jovens personagens moradores de musseques em obras literárias, dos períodos pré e pós independência em Angola: Zeca Santos, do livro Luuanda, publicado em 1963 por Luandino Vieira, e Nacib, do romance Predadores, publicado por Pepetela em 2004

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Denise Cenci, Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas.
Mestranda na área de Estudos Comparados de Literaturas de Língua Portuguesa, da Faculdade de
Filosofia, Letras e Ciências Humanas, na Universidade de São Paulo – FFLCH/USP

Referências

ABDALA, Benjamin Jr. De voos e ilhas: literaturas e comunitarismos. São Paulo: Ateliê, 2003.

CASTELO, Cláudia. Passagens para África: o povoamento de Angola e Moçambique com naturais da metrópole (c. 1920-1974). Porto: Edições Afrontamento, 2007.

FANON, Frantz. Os condenados da terra. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 1968.

MACEDO, Tania. Angola e Brasil: estudos comparados. São Paulo: Editora Arte e Ciência, 2003.

MÜNSTER, Arno. Ernst Bloch - Filosofia da Praxis e Utopia Concreta. São Paulo: Editora Unesp, 1993.

NOGUEIRA, Franco. As Nações Unidas e Portugal. Lisboa: Ática, 1961.

NOVAES, Regina C. R. ; RIBEIRO, E. ; SOUZA, P. L. Juventude: jogos de espelhos. In: Revista Ciência e Vida Sociologia Especial, São Paulo, p. 6 - 11, out. 2007.

Especial: Juventude Brasileira. Ano I. nº 2. São Paulo: Escala: 2007. p. 6-15. Disponível em <http://www.antropologia.com.br/arti/colab/a38-rnovaes.pdf>. Acesso em julho de 2015.

PEPETELA. Predadores. Rio de Janeiro: Língua Geral, 2012.

VIEIRA, José Luandino. “Vavó Xíxi e o seu neto Zeca Santos”. In: Luuanda. São Paulo: Cia das Letras, 2006.

Publicado
2016-06-29
Como Citar
Cenci, D. (2016). Juventude nos musseques da literatura angolana: mesmos caminhos, outras trajetórias. Revista Crioula, (17). https://doi.org/10.11606/issn.1981-7169.crioula.2016.110567
Seção
Dossiê: Modernidade e direitos humanos nas literaturas de língua oficial portuguesa