Uma reflexão sobre os discursos menores ou a escrevivência como narrativa subalterna

  • Lívia Natalia Souza Universidade Federal da Bahia - UFBA
Palavras-chave: Escrevivência, Conceição Evaristo, Literatura, Autoria negra, Subalternidades

Resumo

Este texto toma para si a tarefa de discutir como o operador teórico “escrevivência”, forjado na escrita de Conceição Evaristo, pode ser acionado para construir uma reflexão sobre o modo como a Literatura Brasileira de Autoria Negra investe numa representação biográfica reescrevendo a experiência singular de cada sujeito como uma travessia de agenciamento coletivo de enunciação.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Lívia Natalia Souza, Universidade Federal da Bahia - UFBA

Doutorado em Teorias e Crítica da Literatura e da Cultura (2008) pela Universidade Federal da Bahia (UFBA) e Mestrado (2005) na mesma área e Instituição.

Referências

ARFUCH, Leonor. O espaço biográfico: dilemas da subjetividade contemporânea. Rio de Janeiro: Ed. UERJ, 2010.

DELEUZE, Gilles; GUATARRI, Félix. O que é uma Literatura Menor. In:______. Kafka por uma Literatura Menor. São Paulo: Autêntica, 2014.

EVARISTO, Conceição. Da grafia-desenho de minha mãe, um dos lugares de nascimento de minha escrita. In: ALEXANDRE, Marcos Antônio (Org.). Representações performáticas Brasileiras: Teorias, Práticas e suas interfaces. Belo Horizonte: Mazza, 2007.

FOUCAULT, Michel. A Ordem do Discurso. São Paulo: Loyola, 1996.

FOUCAULT, Michel. Arqueologia e a história das ideias. In: ________. A Arqueologia do Saber. 8.ed. Rio de Janeiro: Forense Universitária, 2012

FOUCAULT, Michel. Nietzsche, Freud e Marx. São Paulo: Princípio Editora, 1997.

KLINGER, Diana Irene. Escritas de si, escritas do outro: o retorno do autor e a virada etnográfica. Rio de Janeiro: 7 Letras, 2007.

LEJEUNE, Phillipe. O pacto autobiográfico. Trad. Jovita Maria Gerheim Noronha e Maria Inês Coimbra Guedes. Belo Horizonte: Ed. UFMG, 2008.

NIETZSCHE, Friedrich Wilhelm. O nascimento da tragédia ou helenismo e pessimismo. São Paulo: Companhia das Letras. 1992.

SOUZA, Eneida Maria de. Notas sobre a crítica biográfica In: ______. Crítica cult. Belo Horizonte: Editora UFMG, 2007. p. 105-113.

SOUZA, Lívia M. N. de. A poética da fome e a escrita da precariedade: Carolina Maria de Jesus escritora. No prelo, 2015.

SPIVAK, Gayatri Chakravorty. Pode o Subalterno Falar? Belo Horizonte: Editora UFMG, 2010.

Publicado
2018-06-30
Como Citar
Souza, L. N. (2018). Uma reflexão sobre os discursos menores ou a escrevivência como narrativa subalterna. Revista Crioula, (21), 25-43. https://doi.org/10.11606/issn.1981-7169.crioula.2018.146551