ABSTINÊNCIO, FULANO MALTA, ULTÍMIO E MARIANO: REPRESENTAÇÕES DA HISTÓRIA DE MOÇAMBIQUE

  • Flávia Cristina Bandeca Biazetto Universidade de São Paulo (USP)
Palavras-chave: Mia Couto, personagens, história de Moçambique

Resumo

A PRODUÇÃO LITERÁRIA DO MOÇAMBICANO MIA COUTO ESTÁ INSERIDA NO MACROSSISTEMA DE LITERATURAS DE LÍNGUA PORTUGUESA E ABORDA QUESTÕES SOBRE O TEMA DA BUSCA PELA IDENTIDADE. SEUS TEXTOS EVIDENCIAM A DIVERSIDADE CULTURAL DE SEU PAÍS, TANTO PELOS PERSONAGENS, QUANTO PELOS ESPAÇOS DESCRITOS DE UMA FORMA SINGULAR, MARCADA PELAS BRINCADEIRAS LEXICAIS. ESTE TRABALHO BUSCA ANALISAR O PAPEL DAS PERSONAGENS QUE PERTENCEM À LINHAGEM DOS MARIANOS NO ROMANCE UM RIO CHAMADO TEMPO, UMA CASA CHAMADA TERRA, RELACIONANDO-AS COM MOMENTOS DA HISTÓRIA MOÇAMBICANA.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Flávia Cristina Bandeca Biazetto, Universidade de São Paulo (USP)
Mestranda em Estudos Comparados de literaturas de Língua Portuguesa, FFLCH-USP. Pesquisa: Análise comparativa entre as crônicas de Mia Couto e Antônio Lobo Antunes.
Publicado
2007-05-01
Como Citar
Biazetto, F. (2007). ABSTINÊNCIO, FULANO MALTA, ULTÍMIO E MARIANO: REPRESENTAÇÕES DA HISTÓRIA DE MOÇAMBIQUE. Revista Crioula, (1). https://doi.org/10.11606/issn.1981-7169.crioula.2007.52707
Edição
Seção
Artigos e ensaios