ELES ERAM MUITOS CAVALOS: LEITURAS. BREVES CONSIDERAÇÕES ESTÉTICAS E POLÍTICAS

  • Fabiana Carneiro da Silva Universidade de São Paulo (USP)
Palavras-chave: Eles eram muito cavalos, Desconstrução, Materialismo Dialético, Estética

Resumo

ESTE TRABALHO PROPÕE-SE A FAZER UMA REFLEXÃO ACERCA DO MODO COM QUE O ROMANCE ELES ERAM MUITOS CAVALOS (2001), DE LUIZ RUFFATO, GRAÇAS AOS SEUS PROCEDIMENTOS ESTÉTICOS, DISPÕE-SE COMO OBJETO PARA AS MAIS DIVERSAS LEITURAS CRÍTICAS. PARA ISSO, NOS DETEREMOS NUMA ANÁLISE COMPARATIVA DE DOIS ENSAIOS SOBRE A OBRA, PRESENTES NA COLETÂNEA UMA CIDADE EM CAMADAS (2007). PROCURAREMOS SITUAR A OBRA E OS ENSAIOS EM SEU CONTEXTO HISTÓRICO E EXPLICITAR ALGUMAS DAS IMPLICAÇÕES POLÍTICAS INERENTES À ESCOLHA DOS CRITÉRIOS DE VALORAÇÃO ESTÉTICA DELES.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Fabiana Carneiro da Silva, Universidade de São Paulo (USP)
Mestranda pelo departamento de Teoria Literária e Literatura Comparada da USP. Título da dissertação, em desenvolvimento: “A crise contemporânea do valor: um estudo de paradigmas de valoração estética na crítica literária”.
Publicado
2009-11-01
Como Citar
Silva, F. (2009). ELES ERAM MUITOS CAVALOS: LEITURAS. BREVES CONSIDERAÇÕES ESTÉTICAS E POLÍTICAS. Revista Crioula, (6). https://doi.org/10.11606/issn.1981-7169.crioula.2009.54978
Edição
Seção
Artigos e ensaios