A LÍRICA E A SOCIEDADE NA PRODUÇÃO LITERÁRIA DE MANOEL DE BARROS

  • Bianca Albuquerque da Costa Universidade Federal do Ceará (UFC)
Palavras-chave: Poesia, Sociedade, Utilidade

Resumo

O PRESENTE ARTIGO PRETENDE DEBATER DE QUE FORMA A ESCRITA DE MANOEL DE BARROS, QUE SE MOSTRA COMO UMA ESCRITA APARENTEMENTE DESPROPOSITADA, CARREGADA DE ILOGISMOS, QUE TRABALHA COM AS COISAS MAIS CORRIQUEIRAS E LIGADAS À NATUREZA, APRESENTA AO LEITOR O SOCIAL, COMO A LÍRICA E A SOCIEDADE SE RELACIONAM DENTRO DA OBRA POÉTICA DE MANOEL DE BARROS.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Bianca Albuquerque da Costa, Universidade Federal do Ceará (UFC)
Mestre pela Universidade Federal do Ceará. Título da pesquisa: Manoel de Barros: peraltices e traquinagens com a palavra poética.
Publicado
2010-11-01
Como Citar
Costa, B. (2010). A LÍRICA E A SOCIEDADE NA PRODUÇÃO LITERÁRIA DE MANOEL DE BARROS. Revista Crioula, (8). https://doi.org/10.11606/issn.1981-7169.crioula.2010.55279
Edição
Seção
Dossiê: Do moderno e do contemporâneo: a poesia brasileira revista