A cidade mais levantada no mundo

  • Benjamin Abdala Jr. Universidade de São Paulo
Palavras-chave: Literatura, literatura comparada, Guimarães Rosa, Primeiras Estórias, Brasília.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Benjamin Abdala Jr., Universidade de São Paulo
Professor titular da FFLCH da Universidade de São Paulo. Pesquisador 1 A do CNPq, foi adjunto de representante e coordenador da área de Letras e Lingüística da CAPES. Suas pesquisas, desde o Mestrado, na Universidade de São Paulo, situam-se no campo da Literatura Comparada, atuando no âmbito das literaturas de língua portuguesa. Foi um dos introdutores dos estudos das Literaturas Africanas no país. Publicou cerca de quarenta títulos de livros, entre eles A escrita neo-realista (1981); História social da literatura portuguesa (1984); Tempos da Literatura Brasileira (1985); Literatura, história e política (1989); Fronteiras múltiplas, identidades plurais: um ensaio sobre mestiçagem e hibridismo cultural (2002); De vôos e ilhas: literatura e comunitarismos (2003); Literaturas de língua portuguesa: marcos e marcas - Portugal (2007); Literatura comparada e relações comunitárias, hoje (2012). Entre as coletâneas que organizou ou co-organizou, podem ser mencionadas Ecos do Brasil: Eça de Queirós, leituras brasileiras e portuguesas (2000); Personae: grandes personagens da literatura brasileira (2001); Incertas relações: Brasil e Portugal no século XX (2003); Margens da cultura: mestiçagem, hibridismo & outras misturas (2004); Portos flutuantes: trânsitos ibero-afro-americanos (2004); Moderno de nascença: figurações críticas do Brasil (2006); Estudos comparados: teoria, crítica e metodologia (2014); e Literatura e memória política (2014).

Referências

ARANTES, Otília. “Resumo a Lúcio Costa”. Folha de S. Paulo, São Paulo, Caderno Mais!, p. 11, 24 fev. 2002.

DAMATO, Diva Bárbaro. Édouard Glissant: poética e política. São Paulo: Annablume, 1996.

CANCLINI, Nestor García. Culturas híbridas. São Paulo: Edusp, 1998.

COSTA, Lúcio. “Dar morada a todos é desafio da era tecnológica”. O Estado de São Paulo, São Paulo, p. D3, 27 fev. 2002.

PEDROSA, Mário. Dos murais de Portinari aos espaços de Brasília. São Paulo: Perspectiva, 1981.

ROSA, Guimarães. Primeiras estórias. 47ª impressão. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, s/d.

SCHWARCZ, Roberto. Que horas são? São Paulo: Companhia das Letras, 1989.

Como Citar
Abdala Jr., B. (1). A cidade mais levantada no mundo. Revista Crioula, (14). https://doi.org/10.11606/issn.1981-7169.crioula.2014.89185
Seção
Artigo Mestre