Ferreira Gullar: o fogo procura sua forma

  • Viviana Bosi Universidade de São Paulo; Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas
Palavras-chave: Ferreira Gullar, Poesia brasileira, Tempo, Representação poética

Resumo

O presente estudo aborda dois aspectos interligados da trajetória de Ferreira Gullar: ora o questionamento em relação à poesia, ora a interrogação sobre o tempo. Desde o início de sua obra, o hiato entre mundo e palavra é constantemente problematizado, assim como a passagem da vida, em sua ocorrência fugaz, para a matéria perene do poema. Esse conflito manifesta-se não apenas na temática, mas também na formalização mesma do poema. Por vezes, a tensão resultante entre arte e vida leva à insatisfação do poeta contra suas próprias realizações. Depois de percorrer diferentes momentos da produção de Gullar, e tendo comentado como o Poema sujo tenta aprofundar essa reflexão, conclui-se que houve uma relativa transformação nos últimos livros do poeta, quando ele parece se aproximar de uma tentativa de conciliação entre a composição artística e a transitoriedade do tempo presente.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2017-04-01
Como Citar
Bosi, V. (2017). Ferreira Gullar: o fogo procura sua forma. Estudos Avançados, 31(89), 415-435. Recuperado de http://www.revistas.usp.br/eav/article/view/132439
Seção
Arte, Literatura e Cinema