Mal-estar na literatura brasileira contemporânea

  • Christian Ingo Lenz Dunker Universidade de São Paulo; Instituto de Psicologia
Palavras-chave: Mal-estar, Sofrimento, Sintoma, Literatura, Psicanálise

Resumo

Examina-se comparativamente a literatura brasileira dos anos 1990 com os anos 2010, tendo em vista a maneira como esta distribui suas narrativas de sofrimento. Tomam-se tais narrativas segundo o grupo das que denotam sofrimento por excesso de experiências produtivas de determinação ou por falta de experiências produtivas de indeterminação, traduzindo assim a dialética entre a verdade e o real segundo as teses da psicanálise de J. Lacan. Propõe-se um modelo sobre as séries transformativas em curso, tendo em vista os destinos do traumático ligado à ditadura civil-militar e o retorno da violência social nos anos 2010.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2017-12-01
Como Citar
Dunker, C. (2017). Mal-estar na literatura brasileira contemporânea. Estudos Avançados, 31(91), 193-209. Recuperado de http://www.revistas.usp.br/eav/article/view/141913
Seção
Psicanálise e cultura