Lacan, revolução e liquidação da transferência: a destituição subjetiva como protocolo de emancipação política

  • Vladimir Safatle Universidade de São Paulo; Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas
Palavras-chave: Transferência, Ato analítico, Destituição subjetiva, Emancipação

Resumo

Trata-se de discutir aqui as implicações políticas dos conceitos de transferência, ato analítico e destituição subjetiva tais como elaborados por Lacan a partir dos anos 1960. Tais conceitos são peças fundamentais para uma reconfiguração da noção de emancipação política, o que evidencia uma dimensão fundamental da relação entre clínica e política.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2017-12-01
Como Citar
Safatle, V. (2017). Lacan, revolução e liquidação da transferência: a destituição subjetiva como protocolo de emancipação política. Estudos Avançados, 31(91), 211-227. Recuperado de http://www.revistas.usp.br/eav/article/view/141914
Seção
Psicanálise e cultura