Luiz Gama. A vida como prova inconcussa da história

  • Diego A. Molina Universidade de São Paulo; Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas
Palavras-chave: Luiz Gama, Biografia, História do Brasil do segundo reinado, Carta a Lúcio de Mendonça

Resumo

A vida de Luiz Gama tem sido objeto de apropriações, interpretações e ficcionalizações. A convergência, a sobreposição e a imbricação de versões entre o sujeito histórico Luiz Gama, inserido no segundo reinado, e um Gama personagem de folhetim geraram disputas acirradas de seus críticos e comentadores. Na carta escrita a seu amigo Lúcio de Mendonça, esboço memorialístico e autobiográfico, Luiz Gama resume a sua origem e sua trajetória. Baseado nessa carta, Lúcio de Mendonça reescreveu a biografia de Gama e a publicou, idêntica, em duas versões. Uma como esboço biográfico no Almanach Literário de São Paulo para o ano de 1881, e outra sob o título de "Folhetim" na Gazeta da Tarde. Valemo-nos das ideias apresentadas por Rancière (2014), principalmente da homonímia da História / história, para realizar uma leitura crítica da publicação e recepção da carta de Luiz Gama.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2018-04-01
Como Citar
Molina, D. (2018). Luiz Gama. A vida como prova inconcussa da história. Estudos Avançados, 32(92), 147-165. Recuperado de http://www.revistas.usp.br/eav/article/view/146443
Seção
Luiz Gama