A arqueologia como paradigma de ciência histórica e interdisciplinar

  • Astolfo Gomes de Mello Araujo Universidade de São Paulo. Museu de Arqueologia e Etnologia
Palavras-chave: Arqueologia, Ciência, Interdisciplinaridade, Ciências históricas

Resumo

Neste artigo a arqueologia será utilizada como um estudo de caso ilustrando a discussão a respeito das diferentes modalidades de ciência e das diferentes ontologias envolvidas. Argumentamos que a arqueologia é tão interdisciplinar que não pode ser encarada da mesma maneira que outras disciplinas das Humanidades, tendo suas componentes ontológicas, epistemológicas, teóricas e práticas mais associadas às Ciências da Terra e à Biologia do que à História ou à Antropologia. Por fim, apresentamos a estrutura do método científico na arqueologia e como as suas características apontam para um modelo de interdisciplinaridade extrema, com poucos paralelos nas outras ciências.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Astolfo Gomes de Mello Araujo, Universidade de São Paulo. Museu de Arqueologia e Etnologia

é professor do Museu de Arqueologia e Etnologia da Universidade de São Paulo (MAE-USP). Participou do Programa Ano Sabático do Instituto de Estudos Avançados da USP em 2016.

Publicado
2018-12-13
Como Citar
Araujo, A. (2018). A arqueologia como paradigma de ciência histórica e interdisciplinar. Estudos Avançados, 32(94), 285-308. https://doi.org/10.1590/s0103-40142018.3294.0019
Seção
Ensino de ciências