História como alegoria

  • Peter Burke Universidade de Cambridge

Resumo

Neste artigo abordam-se as diferentes circunstâncias nas quais se tecem comentários sobre um evento (geralmente no passado) quando os comentadores estão, na verdade, preocupados com um outro evento (geralmente no presente). Nele, distingue-se a alegoria pragmática - que se encontra onde quer que haja restrições à liberdade de agilidade política - da alegoria mística - que pressupõe algum tipo de conexão oculta entre os dois acontecimentos. Este segundo tipo de alegoria entrou em declínio no fim do século xvii, mas poderá permanecer mais influente do que todos nós pensamos.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
1995-12-01
Como Citar
Burke, P. (1995). História como alegoria . Estudos Avançados, 9(25), 197-212. Recuperado de http://www.revistas.usp.br/eav/article/view/8897
Seção
Ciências Humanas