A Questão da Separabilidade fraca na estimação de sistemas de demanda: Uma aplicação para a demanda de carnes no Brasil

Autores

  • Guilherme Fonseca Travassos Universidade Federal de Viçosa.
  • Alexandre Bragança Coelho Universidade Federal de Viçosa.

DOI:

https://doi.org/10.1590/1413-8050/ea135987

Palavras-chave:

Separabilidade fraca, demanda por carnes, POF 2008-09

Resumo

A separabilidade fraca das preferências é uma hipótese frequentemente mantida, porém pouco testada em análises de demanda aplicada. Este estudo buscou testar essa hipótese em um sistema de demanda por carnes no Brasil, utilizando os microdados da POF 2008-09. Concluiu-se que os consumidores não separamcarnes por tipo de animal ou por qualidade da carne e que uma estimação de demanda de carnes sem utilizar preço e dispêndio com outros alimentos incorre em omissão de variáveis relevantes, influenciando nas estimativas das elasticidades-preço cruzadas.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2015-09-19

Como Citar

Travassos, G. F., & Coelho, A. B. (2015). A Questão da Separabilidade fraca na estimação de sistemas de demanda: Uma aplicação para a demanda de carnes no Brasil. Economia Aplicada, 19(3), 507-539. https://doi.org/10.1590/1413-8050/ea135987

Edição

Seção

Artigos

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)