Influências políticas na eficiência de empresas de saneamento brasileiras

Autores

  • Breno Sampaio University of Illinois at Urbana-Champaign; Department of Economics
  • Yony Sampaio Universidade Federal de Pernambuco

DOI:

https://doi.org/10.1590/S1413-80502007000300003

Palavras-chave:

empresas de saneamento, análise de eficiência, influências políticas

Resumo

O setor de saneamento apresenta elevado nível de perdas e atinge apenas 31% dos domicílios. Modelos de eficiência DEA com 4 insumos e 8 produtos foram estimados para empresas de abastecimento de água e coleta e tratamento de esgoto. Serviços de água são mais eficientes que os de esgoto. Foi estimada regressão para analisar a influência de variáveis operacionais, geográficas e políticas. Localização no Sul afeta positivamente a eficiência e localização no Norte e no Centro-Oeste negativamente. A eficiência é positivamente afetada pela continuidade administrativa e pela coincidência de partido na gestão municipal e estadual.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2007-09-01

Como Citar

Sampaio, B., & Sampaio, Y. (2007). Influências políticas na eficiência de empresas de saneamento brasileiras. Economia Aplicada, 11(3), 369-386. https://doi.org/10.1590/S1413-80502007000300003

Edição

Seção

Artigos